04 agosto 2010

Ninguém mexa nas árvores!

Escaramuça de fronteira entre Israel e Líbano, esta manhã.

Esta a reconstrução dos factos segundo Swissinfo e televisões árabes:

Segundo as emissoras Al Arabiya e Al Jazeera, os confrontos foram desencadeados pela tentativa de uma patrulha israelita, protegida por um tanque, de cortar uma árvore em território Libanês.

Em sinal de alerta, os soldados de Beirute dispararam para o ar, e logo começou um tiroteio entre os militares e uma sucessiva troca de golpes de morteiros.

O balanço final seria de quatro feridos: dois soldados israelitas, um militar e um civil libaneses. Segundo a televisão libanesa Future Tv, duas casas de civis em Adaysse foram atingidas e danificadas pelo fogo israelita.

Citando fontes militares israelitas e libaneses, a televisão Al Arabiya disse que os confrontos ocorreram perto Adaisse, ao longo da Linha Azul da demarcação, e que agora acabaram mas que a força de manutenção de paz da ONU (soldados espanhóis, neste caso) decretaram o alerta máximo.

Também o meu amigo João outro dia cortou uma árvore na fronteira.

Mas não tinha um tanque para protege-lo.

Mesmo assim: é uma árvore rapazes, calma, não vale a pena. Os soldados israelitas voltaram atrás com o tanque, houve feridos e não mortos, poderia ter acabado pior, não é?

Nem por isso.

Uma árvore libanês é sempre uma árvore libanês. Não uma árvore qualquer. O presidente e o primeiro-ministro libaneses denunciaram a "agressão" de Israel contra o Líbano. Michel Suleiman, denunciou a "nova violação israelita da Resolução 1701" e Saad Hariri condenou "a violação da soberania" do Líbano.

E Israel? Verdade, passaram a fronteira, poderiam pedir desculpa e plantar uma outra árvore.

Árvore? Quem falou em árvore? Foram sérios incidentes, quase um ataque.
Israel ameaça "consequências" se os incidentes não acabarem e para o Ministério dos Negócios Estrangeiros de Israel "o governo libanês é responsável dos graves acidentes".

Este é o clima entre Israel e o Líbano. E não promete bem.


Ipse dixit.

Fonte: Informazione Scorretta,

Sem comentários:

Enviar um comentário

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...