05 agosto 2010

Uma questão de velocidade

Cedo ou tarde iremos dedicar maior espaço aos acontecimentos do fatídico 11 de Setembro de 2001.

Foi um ataque terrorista? A versão do governo dos Estados Unidos reflecte a realidade? Ou foi uma conspiração? Ou o que mais?

Opiniões não faltam: o difícil é distinguir os verdadeiros dados das teorias sem bases. E o risco é que o 9/11 enfrente o mesmo destino da morte do presidente J.F. Kennedy, pela qual não existe certeza embora as décadas de investigações e vozes.

Enquanto isso, tomamos nota do que segue:

o relatório oficial do National Transportation Safety Board (NTSB) acerca dos dois aviões que atingiram o World Trade Center, no dia 11 de Setembro de 2001, mostra que voavam respeitavelmente a 945 km/h e 796 km/h.

No entanto, a associação americana Pilotos For 911 Truth revela que segundo a fabricante o Boeing 767 não é operável uma vez ultrapassados os 660 kmh. Estes dados foram confirmados pelo ex-gerente da NASA, Dwain Deets.

Daqui resulta que os aviões que atingiram o World Trade Center não poderiam ser os aviões de voo 175 da United e American 11.

No The Incredible Lie, Thierry Meyssan havia levantado a possibilidade de que aviões militares tivessem substituído os aviões de linha, de acordo com os procedimentos da Operação Northwoods (página 168 do original).

Os documentos NTSB, desclassificados a pedido dos Pilots For 911 Truth, já haviam mostrado que a porta da cabine do voo American 77 tinha permanecido fechada desde a descolagem até perder o seu rasto. Daqui resulta que este avião não poderia ter ficado vítima de sequestro.

Lembramos para que não haja dúvida: estamos a falar de documentos oficiais do National Transportation Safety Board, a agência do governo dos Estados Unidos encarregada de investigar os acidentes de aviação. 


Fonte: Voltaire.net
Tradução: Informação Incorrecta

1 comentário:

  1. Bruno6.8.10

    Interessante esse comentário sobre o 9/11. Também temos a questão do pentágono, que pouco se deu atenção ao avião que o atingiu. Que alguns acreditam que foi um míssel. Por isso não temos nem dos vídeos de cameras de segurança dos estabelimentos ao redor do pentágono.

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...