07 outubro 2010

A lição da História - Anexo

Para completar o discurso acerca dos Estados Unidos e a guerra, eis um mapa que mostra os principais conflitos nos quais Washington decidiu tomar parte.

Esta apresentação mostra as guerras segundo o partido que governava Washington na altura do conflito: Democratas ou Republicanos.

Para iniciar  animação (de 90 segundos) carregar no "Play".



Dá para perceber que os Estados Unidos participaram em guerras ao longo de todos os continentes habitados, sem excepções.
Só escaparam os dois Polo, mas cedo ou tarde estamos certos de que também esta lacuna será preenchida, por isso os pinguins que se cuidem.

Em boa verdade este mapa está largamente incompleto: faltam todas as campanhas ou acções isoladas que não podem ser consideradas verdadeiras "guerras" no sentido clássico do termo, mas que, mesmo assim, incluem soldados, combates, mortos ou feridos.

Uma lista completa, embora em Inglês, pode ser encontrada neste link, de Wikipedia.

É interessante pois aqui é possível perceber que, desde a Independência de 1783, o maior período de tempo durante o qual os EUA não estiveram envolvidos em guerras foi entre 1 de Abril de 1920 (intervenção na Sibéria) e 7 de Dezembro de 1941 (Segunda Guerra Mundial): 21 anos e 8 meses sem enviar soldados para lado nenhum, sem declarar guerra contra ninguém.

Não admira, portanto, que já após o nono ano os Americanos entrassem em depressão, a maior depressão da própria história... 

Fontes: Maps of War, Wikipedia,

2 comentários:

  1. Consta-se que já não é assim, há quem diga que pelo Polo Sul já por lá passaram tropas americanas e que eventualmente a História não será aquela que nos contam no banco do Liceu.
    Explora qualquer coisa sobre o Almirante Byrd...

    ResponderEliminar
  2. O que conheço do Almirante Byrd no Polo é uma história bem estranha. Daria para um bom filme, sem dúvida.

    Consta que o Almirante encontrou uma passagem entre o gelo, em 1947, que levava até a Terra Oca.
    Aqui encontra os emissários de Agartha e nem faltam os discos voadores.

    Ninguém gosta de lembrar esta história, no Wikipedia versão em Inglês nem se fala do assunto: mas o mesmo Almirante até o fim confirmou a própria versão.

    Não era um idiota qualquer: coleccionou um sem número de honorificências, ainda hoje é considerado um herói nacional e não acaso foi sepultado no cemitério de Arlington...

    Estranho mundo este.

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...