18 novembro 2010

O outro sonho americano

Nas profundezas, debaixo das luzes brilhantes de Las Vegas há um labirinto habitado por aranhas venenosas e por um homem apelidado de The Troll, que faz exercícios com uma barra de ferro.
Mas a coisa surpreendente é que os 200 quilómetros de túneis também são o lar de mais de 1.000 pessoas que para sobreviver vivem nesta faixa escura.

Alguns, como Steven e a sua namorada, Kathryn, decoraram a casa com precisão, neste caso um refugio de aproximadamente 37 metros quadrados que está equipado com uma cama de casal, guarda-roupa, e até uma biblioteca.
Vivem lá há cinco anos, criaram um chuveiro a partir dum bebedouro, penduraram quadros nas paredes e criaram uma biblioteca com livros abandonados. Os pertences são cuidadosamente colocados em cestos de plástico para evitar que se molhem com a nociva água estagnada do piso.

Explica Steven:
A nossa cama foi crida a partir duma lixeira perto dum complexo de apartamentos.
É principalmente a partir de zonas de descarga que recolhemos as coisas. O lixo de um homem é ouro para outro homem. Vamos recolher as coisas à noite funda, para que as pessoas não possam ver porque é constrangedor.



Steven é forçado a viver nos túneis desde cinco anos, depois de ter perdido o seu emprego por causa da dependência de heroína. Diz que agora está limpo e que ele e sua namorada, sobrevivem com os créditos das slot-machines, vestindo roupas em segunda mão e ficando perto das máquinas do jogos, na esperança de encontrar chips esquecidos.

Steven diz que uma vez encontrou 997 Dólares numa delas. No túnel vive outro casal: são Júnior e Amy, casaram-se na Capela de Shalimar, um dos lugares mais famosos de Las Vegas, e depois voltaram para o túnel em lua de mel. Perderam a casa por causa da dependência de medicamentos, após a morte do filho Brady, com quatro meses de idade.

Diz Amy:
Disseram-me Las Vegas era um lugar onde poder encontrar um bom emprego, mas foi difícil e assim passámos a viver sob a escada externa do casino MGM. Então conheci um rapaz que vivia aqui no túnel. Estamos aqui desde então.

Matthew O'Brien, um repórter que conheceu o "povo dos túneis" enquanto fazia perguntas sobre um caso de assassinato, criou uma fundação para ajuda-los, Shine A Ligh.

Estas são pessoas normais de todas as idades que perderam o caminho, geralmente após um acontecimento traumático. Muitos são veteranos de guerra que sofrem de estresse pós-traumático. Não se sabe quantas crianças vivem lá, pois são escondidos, mas tenho visto evidências de presença delas, brinquedos.

O'Brien já publicou um livro sobre o povo dos túneis, intitulado Beneath The Neon. As seguintes imagens mostram a forma surpreendente de viver dessa comunidade, foram tiradas por Austin Hargrave, um fotógrafo britânico que vive agora nos Estados Unidos.
Mostram como estas pessoas desesperadamente pobres construíram uma comunidade abaixo da cidade e até dedicou uma secção do túnel para uma galeria de arte repleta de graffiti intrincados.


Steven e Kathryn vivem em Las Vegas, num "refugio" de cerca de 37 metros quadrados equipado com amor pelo lixo das pessoas.



Os moradores dos túneis criaram guarda-roupas e recuperaram mobiliário para tornar o mundo subterrâneo mais familiar. Nada a fazer em relação à água no chão.

 
Steven e Kathryn também montaram uma biblioteca com prateleiras



Amy vive no labirinto com o seu marido, Junior. Vivem lá desde que perderam o filho pequeno.



O povo dos túneis decora as próprias "casas" e coloca até carpetes no piso de cimento para torna-los mais confortáveis




Graffiti transformaram esta zona do túnel numa rede de galerias: um trecho do canal longo mais de 200 milhas



As luzes brilhantes da cidade não dão qualquer indicação sobre o lado escuro undeground



No fundo As Torres e os grandes prédios de Las Vegas




A maioria das pessoas que vivem nos túneis caiu na pobreza depois de ter tido problemas mentais, de drogas ou álcool


Fonte: Daily Mail
Fotografias: Austin Hargrave
Tradução: Informação Incorrecta

Sem comentários:

Enviar um comentário

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...