04 março 2011

Post estúpido

Obama em favor do nuclear? Não, impossível: o bom Obama é dos "nossos", é um democrático, está do lado do povo, nunca faria uma coisa destas. O bom Obama é a favor da energia limpa, do ecológico, do renovável. Yes, we clean.

A energia nuclear comporta riscos.
Chernobyl ficou ultrapassada, as novas centrais estão mais seguras, o problema não está ai.
Os problemas, como visto no artigo Nuclear: compensa?, são outros: enormes custos de manutenção e, sobretudo, de desactivação: parece paradoxal, mas hoje fechar uma central nuclear significa anular os benefícios económicos derivados da sua utilização.


Isso sem contar os aspectos puramente ambientais: onde armazenar de forma segura as escorias radioactivas?

Por isso, pensar que Obama apoie o nuclear em detrimento das energias "limpas" é um absurdo. Ponto final.

Então, como explicar as recentes escolhas do Presidente? 36 mil milhões de Dólares em favor do nuclear?

Assistente: Sr. Presidente, o problema da energia é um problema nuclear.

Obama: Nuclear? What? Nem pensar, sou democrático, energia limpa, o ambiente. o...

Assistente: "Nuclear" no sentido de "central".

Obama: Nuclear? Central? Central Nuclear? What? Nem pensar, sou Democrático, sou...

Assistente: Significa uma questão principal.

Obama: Ah, yeah, percebo, agora sim. De facto é principal. Claro que é. Então?

Assistente: Então não se importa de assinar este documento? É um pedido de empréstimo: apenas 36 mil milhões de Dólares.

Obama: Claro, yes I can...hey, man: está escrito "nuclear" aqui. What the f...

Assistente: Nuclear entendido como "central", como acabamos de dizer.

Obama: Oh, I see, no problem...hey, man: está escrito "dois reactores na Georgia" aqui, o que é isso?

Assistente: "Reactores", isso é, "que reagem". Reagem à luz do Sol, é tudo limpo.

Obama: Ohhh, percebo...8,3 mil milhões de Dólares? Mas não é um bocado caro?

Assistente: É para os cubos de gelo, Presidente, o gelo que impede o sobreaquecimento das centrais. Há muito Sol na Georgia...

Obama: Oh, o gelo, yeah, faz sentido...Texas, Maryland, South Carolina, Flórida: toda energia limpa?

Assistente: Limpíssima, Senhor Presidente.

Obama: Ok, ok...hey, mas os custos triplicaram: antes cada projecto teria custado 2 ou 3 mil milhões de Dólares, agora 10? What the f...?

Assistente: As gaivotas, Senhor Presidente.

Obama: Gaivotas?

Assistente: Sim, Senhor Presidente: muitas gaivotas obscurecem o Sol e diminuem a eficiência das centrais.

Obama: Oh, yeah, as gaivotas, faz sentido, estúpidas aves...hey, não mataram as gaivotas, pois não? Lembrem que eu sou Democrático, sou do povo, sou...

Assistente: Não, Senhor Presidente: foram transferidas no Golfo do México, para ajudar a BP na limpeza das águas: lembra, Senhor Presidente, do meteorito cheio de petróleo que atingiu o Golfo? E da BP que tentou evitar o desastre?

Obama: Ohhh, yeah, o meteorito, história triste, Michelle ainda está a tentar limpar os meus sapatos, até o cão ficou preto...a propósito, sabia que o Bo é espanhol?

Assistente: É português, senhor Presidente.

Obama: Português...esquisito, eu pensava fosse um cão de água...hey, o que é isso? SPQR?

Assistente: SMR, Super Máquina de Reciclagem.

Obama: Oh, yeah, SMR...aqui diz Small Modular Reactors, quem é que escreveu isso?, só pode ter sido um hispânico, com certeza. Hey, 97 milhões de Dólares? Parece-me um bocado puxado como preço, não acha? E que diz aqui? Que ainda não foram testados?

Assistente: É por isso que temos de construí-los, senhor Presidente, para poder testa-los.

Obama: Oh, yeah, faz todo o sentido. Como podemos testa-los sem antes construí-los?

Assistente: Excelente, senhor Presidente.

Obama: Of course, é por isso que fui eleito. Mas diga lá uma coisa: aqui diz que estes coisos, os SMS...

Assistente: SMR

Obama: Yeah, SMR, podem ter uma taxa de defeitos de 50%...

Assistente: Sim senhor Presidente: 50% pode estar com defeitos.

Obama: Então?

Assistente: Isso significa que 50% não têm defeitos.

Obama: Yes, but...os outros 50%? Não haverá problemas? Lembre que eu sou Democrático, sou...

Assistente: Não, senhor Presidente: é só deixar funcionar os 50% sem defeitos e concertar já o 50% com problemas.

Obama: Muito bem, parece-me lógico...mas como sabemos quais funcionam bem e quais não?

Assistente: É por isso que temos de construí-los: assim será possível individuar os que não funcionam bem.

Obama: Claro, of course, muito bem, EUA, Big Country...

Assistente: Pode assinar, senhor Presidente?

Obama: Assinar? Oh, Yes I can!


Nota: eu avisei já no título: "Post estúpido"...


Fonte: Online Journal

Sem comentários:

Enviar um comentário

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...