28 março 2011

Vetiver?

Não costumo fazer publicidade: e fazer publicidade gratuita nem me deveria passar pela cabeça.
Mas neste caso eis uma excepção.

O leitor Cele enviou o link dum vídeo do YouTube, cujo título é um pomposo: Desastres Ecológicos - Vetiver a solução natural.

Vetiver é uma planta e na verdade não acaba com os desastres ecológicos. Mas ajuda, o que não é pouco.
Vamos ver o que diz Wikipedia:
Vetiver (Vetiveria zizanioides (L.) Nash) recentemente reclassificado como "Chrysopogon zizanioides (L.) Roberty", é uma planta da Família das gramíneas (Poaceae), herbácea, perene, cespitosa (em moita) que chega a atingir cerca de 2 m de altura e com raízes que podem penetrar até 6 m de profundidade. [...]

É uma planta próxima de outras ervas aromáticas como o capim-limão (Cymbopogon citratus) e a Palmarosa (Cymbopogon martinii). Propaga-se principalmente de forma vegetativa (assexuada) já que a maior parte das variantes cultivares produzem pequenas quantidades de semente ou, simplesmente, não a produzem.

Desta forma, o capim-vetiver é considerada uma espécie muito segura para se utilizar, não existindo o risco dela se tornar invasora. Pode ter uma longevidade de séculos.

Por estas razões, na Índia o vetiver vêm sendo utilizado há séculos para delimitar fronteira de terrenos, pois ele permanece exatamente onde foi plantado. É também conhecida como capim-vetiver, capim-de-cheiro, grama-cheirosa, grama-das-índias, falso-pachuli (ou, simplesmente, pachuli) e raiz-de-cheiro.

...zzzzzzzzz...eh? Acabou?
Ora bem, esta Vetiver parece uma planta simpática: não é invasora e segura os terrenos. Uma boa solução para evitar desmoronamentos após a insensata  desflorestação?
Assim parece. Não a única solução, mas uma boa solução.



A seguir o vídeo. Repito: esta não é publicidade paga, pelo que não recebo nada com isso além (espero) da gratidão de quem preparou o anuncio.

O vídeo em si não é dos melhores, e nas cenas de mato parece que repente possa surgir um vietcong possesso. Mas fornece úteis informações.






Uma nota pessoal: The House of the Rising Sun dos Animals é horrível e deveria ser proibida aos menores.


Ipse dixit.

Fonte: Wikipedia

8 comentários:

  1. Anónimo28.3.11

    hahaha, vou mandar o link pra quem produziu o video...Valeu!
    cele

    ResponderEliminar
  2. Anónimo28.3.11

    Outra coisa, è provàvel que vc jà conheça, mas como eu participo e estou achando muito bom :
    http://www.couchsurfing.org/
    Abraços
    Cele

    ResponderEliminar
  3. Max,
    Este capim fornece óleo essencial para perfumes. Tenho-o aqui em casa, suas raízes são aromáticas.
    De fato, ele cumpre a função de"agregar" o solo. Também é usado para manutenção de curvas de nível, preservação das margens dos cursos d'água e diminuindo o assoreamento.
    De fato, é um capim de muitas utilidades, só não é muito palatável aos animais.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo30.3.11

    ola pessoal, obrigado pelas palavras. Sou o criador do video e da proxima vez prometo melhrar.. Possuo também a plantação de Vetiver. Estamos tentando mudar a cultura brasileira de não prevenir, se agitar depois do acontecido para logo depois esquecer,..Qualquer dúvida é só perguntar.. abraço a todos.
    vetiver@ig.com.br

    ResponderEliminar
  5. Olá Cele!

    Não, não conhecia! Por isso: obrigado e um abraço!

    ResponderEliminar
  6. Olá Gilson!

    Capim? É assim que se chama? Não sabia. Mas parece uma planta jeitosa. E diz Wikipedia que pertence à mesma família do trigo. Nunca paramos de aprender...

    Grande abraço para Gilson!

    ResponderEliminar
  7. Olá Vetiver!

    "Estamos tentando mudar a cultura brasileira de não prevenir, se agitar depois do acontecido para logo depois esquecer"

    LOLOLOL, fosse só um problema do Brasil!

    Mas as bio-tecnologias podem ter um grande futuro: há espaço para isso. E precisamos disso também.

    Faço votos de bom trabalho e envio um abraço!

    ResponderEliminar
  8. Onde se podem comprar as sementes?
    Obrigado

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...