12 agosto 2011

O regresso de Nibiru!!!

Admito: o anterior foi um dos melhores post. Não por causa daquilo que escrevi, nem por isso, mas por causa das reacções.
Às 11 de manhã já havia 11 comentários, agora são 42.

O que significa: funcionou. E parabéns para Observer, o único que parece ter percebido :)

Os Leitores

Antes demais vamos dedicar as últimas notas ao "caso Nibiru".

A amiga Ravena não gosta que se use o termo "acreditar" em relação ao blog dela e a Nibiru. Peço desculpa, mas como é muito fácil encontrar artigos que "demonstram" a existência de Nibiru em Evoluindo Sempre, pensei fosse implícita a aceitação.

Ao ler em Evoluindo Sempre que  
Quando os Anunnakis vieram pela primeira vez na Terra, as artes do cultivo de cereal, de plantação de fruta e criação de gado não existiam.
[...] E os textos sumérios indicam que os deuses criaram o homem para fazer o trabalho que era deles.
parece mesmo que a Autora acredita em Nibiru. Mas, claro, como Ravena diz: o factor crença é meu, não dela, por isso, como foi meu engano, peço outra vez desculpa.


Quanto ao site Starview: conheço e gosto, tenho nos meus favoritos muitas dezenas de site que tratam de astrofísica ortodoxa e não, Starview é um deles.

Mas a hipótese que Starview avança é que todo o "dossier" Nibiru possa estar ligado a uma estrela anã bruna. O que, no meu entender, faz todo o sentido. Mas, Ravena, uma coisa é falar dum planeta que vagueia no espaço habitado por uma raça malvada, outra coisa é falar duma estrela como possível companhia do Sol.

Quanto ao "astrofísico" Nassim Haramein (é o mesmo segundo o qual a Terra é oca? O Sol é oco? O átomo é oco?): o vídeo no link mostra o que segundo o brilhante astrofísico é um cometa repelido pelo Sol. Pena que todos os cometas tenham sempre a cauda na direção oposta ao Sol e não "arrastada". Interessante também a velocidade do cometa: quase a velocidade da luz (é bom ter presentes as dimensões do Sol)? Mas se calhar estes são pormenores, peço desculpa..  

Se o desejo for falar de ciência, então não tenho problema nenhum em falar duma anã bruna  que pode bem existir (e acredito que sim) e explicar muitas coisas (as perturbações gravitacionais da Nuvem de Oort, por exemplo, poderiam estar relacionadas com as extinções de massa).

Se o desejo for falar de alienígenas malvados, então a coisa muda, e bastante. A não ser que Guerra das Estrelas seja considerada ciência também.

Além de Ravena, há outras coisas interessantes.

Em primeiro lugar: no meu blog não posso escrever o que me apetecer, só o que os outros querem ler.
Não sabia disso, mas é sempre bom aprender.
E não adianta ter avisado que o blog está de férias (e de facto estou) e poder dedicar mais espaço a outros assuntos. Nada: este é um blog de economia e política e tal deve permanecer.

Segundo outros Leitores, eu nem tenho o direito de explicar qual o meu ponto de vista sobre o assunto. Pelo menos, não tenho o direito se este ponto for contrário a Nibiru; pois estou convencido de que se publicasse um bonito post com apenas as "provas" da existência de Nibiru, então ganharia muitos leitores.

Há pessoas que nem me conhecem mas têm a lata de vir aqui e julgar:
Carlos H.: Voce sempre gostou de astrofísica mas não entende nada dela. Continue escrevendo sobre economia e política social.
Para dizer uma coisa destas é claro que Carlos H. percebe e muito de astrofísica. Por isso gostaria que Carlos explicasse onde estão as minhas falhas. Não se preocupe com o comprimento do comentário, envie via e-mail se for necessário, prometo publicar.
Sérgio: Eu só visito o seu blog, para ver notícias referentes â geopolítica e economia. Porque em relação a esses assuntos: você é somente mais um, que emite opinião. Apenas mais um. Espero sim, que você continue opinando sobre a crise financeira internacional e seus desdobramentos! é mais relevante do que esses tipos de posts. Respeito sua opinião, mas discordo totalmente.
Lamento Sérgio, mas não percebo o Seu comentário. Que significa que acerca de Nibiru sou "apenas mais um"? Porque, no caso da economia não é a mesma coisa? Ou acham que eu sou um economista? Eu não tenho nada a ver com a economia, pois esta é simplesmente mais um dos meus interesses e nem o mais importante.

Esta é uma coisa muito divertida: posso passar um ano a dizer que os Leitores nada percebem de economia, até posso ter atitudes arrogantes e presunçosas, e todos aplaudem, nem questionam os meus conhecimentos acerca da matéria (só agora aparece Pedro que até questiona as minhaa capacidades neste sentido: que sentido de sincronia, caro Pedro).

Se eu disser "Nibiru não existe", então de repente todos ficam ofendidos e transformo-me em besta. Extraordinário.
Aldo: Caro Max, esta sua tese é como aquela de quem come açúcar e diz que diabetes não tem cura... Faz sucesso na farmáfia. É a alegria da NASA, aquele outro tentáculo dos escravagistas desde sempre no poder.

Aldo, e que tal pensar que Nibiru e os Annunaki sejam apenas outra maneira de manter as pessoas empenhadas com falsos objectivos? Ou este é um pensamento "proibido"?
Anónimo: Está "filtrando" seus leitores? hahaha.
Claro, estou brincando, mas infelizmente isto pode acontecer, pessoas movidas apenas pela fé podem até abandonar o blog, o que seria uma pena; pois é importante que todos compartilhem seus conhecimentos e opiniões sem preconceito um do outro.
Anónimo, sempre repeti e ainda mais uma vez repito: não estou à procura de Leitores. Se estivesse, então teria aberto um blog de fofocas, de gossip, coisas que costumam ter milhares de Leitores.
Não gostam de Informação? Há milhões de outros blog na net.

Mas o facto é que eu não tenciono partilhar conhecimentos.

Este não é um blog onde o Leitor pode encontrar "a Verdade". Este é um blog que cria dúvidas, este é o único objectivo dum blogueiro que tenha a humildade suficiente para entender que ninguém é dono da Verdade: só podemos procurar as nossas respostas, ao usar os nossos sentidos. E este pode ser o único objectivo realista deste como de qualquer outro blog.

Além disso: o que vale abrir os olhos das pessoas acerca dum assunto se depois continuam a acreditar nas fábulas? Aliás, isso é ainda pior, pois os argumentos do Leitor ficarão ainda mais desqualificados.
"Olha, o fulano explicou-me isso e isso acerca da economia" "Ah, sim, aquele é o gajo que acredita em Nibiru também..."

É isso que acontece, é a mesma coisa que aconteceu ao mundo da informação alternativa, incapaz de construir uma imagem respeitada. Pega-se num assunto que pode ser interessante e torna-se tudo uma nova religião. Porque isso é Nibiru hoje.

Há pessoas aqui que provavelmente nem sabem qual a diferença entre Azimut e Nadir, mas quando o assunto é Niburu tornam-se especialistas (não é o caso de Carlos H., claro, cujos conhecimentos em astrofísica estão fora de dúvida).
Não apenas isso: mas permitem-se contradizer as leis fundamentais da física só porque um economista disse que assim é.

Chegamos ao ponto de afirmar que não apenas a Nasa, mas todos os astrónomos profissionais e amadores são envolvidos numa conspiração planetária para esconder a verdade. Quantos podem ser todos estes astrónomos que a cada noite observam o céu? Algumas dezenas de milhares? Talvez centenas de milhares? Não importa, todos corruptos. Pela Nasa, óbvio.

Acreditam em Nibiru? Então façam uma coisa simples: procurem alguém com um bom telescópio e comecem a procura-lo. Depois tirem uma fotografia e enviem, prometo publicar. Atenção, não é descarregar uma imagem de internet, demasiado fácil: façam vocês mesmo.

Porque a coisa é extremamente simples: querem que mude de ideia acerca de Nibiru? Tragam provas, vou publicar, qual o problema? Só os estúpidos não mudam de ideias. Mas, por favor, venham com factos. Porque teorias temos muitas, até demais.
Factos? Poucos e confusos.

Antes era Nibiru, o planeta de Sichtin com os Annunaki. Chegada prevista: 2012.
Agora é Elenin que chega e esconde Nibiru. E Nibiru já não chega em 2012, chega mais tarde. Agora Nibiru nem é um planeta, é uma anã bruna.

Verdade, só os idiotas não mudam de ideia: mas um qualquer ponto fixo existirá ou nem por isso? Estamos a falar de quê? Então, que raio é este Nibiru? Porque, meus amigos, Sitchin fala mesmo dum planeta, não de cometas ou clusters, fala mesmo de alienígenas, de gigantes, não fala de anãs brunas, não misturem as coisas. Ah, esqueci: e Úrano é um lugar maravilhoso.

"Those who from Heaven to Earth came" - had come here some 450,000 year ago from their planet Nibiru."


A verdadeira razão

Mas a verdadeira razão do post anterior não era a existência ou não de Nibiru, assunto que no meu entender nem merece muito espaço. E acerca do qual nem fiz muitas pesquisas, admito sem problemas.

Os leitores mais antigos podem lembrar que já tinha tratado do mesmo assunto, com as mesmas conclusões: só que desta vez a intenção era "forçar" um pouco mais. E os resultados são tristes. 

A maior parte das pessoas intende a "liberdade de expressão" como a possibilidade de fazer afirmações, salvo depois considerar lícito ofender, desrespeitar o blog, as ideias e o autor. O problema é que a liberdade de expressão sem a capacidade de ouvir não serve para nada. E somos nós que retiramos a nós mesmos esta possibilidade.

Há por aqui pessoas que estão prontas a agredir um blogueiro por...? Já, por quê? Por uma coisa que ninguém viu, que acreditam existir simplesmente porque alguém assim disse.
Impossível não fazer comparações com a religião.
Jorge: Fé? Fada do bosque, você lê mas não assimila. Vá pesquisar, você está perdendo tempo e nem ao menos se dá a chance de conhecer o assunto. Quer mesmo é discutir sem base de conhecimento.
Jorge fala em conhecimentos. Jorge, posso saber quais são os seus conhecimentos relativos à Nibiru?

Atenção Jorge: não digo o que você ouviu e agora está disposto a repetir. Digo o que percebe realmente do assunto. Nibiru é um planeta, estamos no campo da astrofísica: sabe o que é um campo gravitacional? Sabe o que aconteceria se um planeta das dimensões de Nibiru entrasse no Sistema Solar? Ou pode apenas repetir o que os outros dizem?

Não estou a tentar ofender, estou simplesmente a tentar explicar que ao aceitar as teorias de outros sem ter a preparação necessária, nós estamos a fazer um acto de fé. No caso de Nibiru as semelhanças com a Fé Católica são impressionantes e Nibiru vai mais além: pessoas que acreditam não em relatos de testemunhos (pelo menos na Bíblia há pessoas que afirmam ter visto Jesus) mas em traduções feitas por uma pessoa que nem tinha a formação.

Pena, pois é suficiente pouco para perceber. Mas claro, é preciso ter vontade de perceber.
Faltausername: Quanto aos Annunaki eles são parte da mitologia sumeriana e aparecem nos textos antigos, tantos puramente mitológicos quanto "políticos" (que mostravam a aprovação dos deuses a um soberano).
Perfeito: Faltausername fez uma coisa simples simples: foi consultar uma pessoa que formou-se e dedicou a vida ao assunto. Resultado: os Annunaki não são alienigenas, mas deuses do "olimpo" sumerio.

Quantos fizeram o mesmo?

Nós (e digo "nós" porque todos somos iguais nisso) precisamos de acreditar em alguma coisa. E o post anterior não acaso vinha depois de Fé vs. Religião, Rezamos, e até Lemmings. Pois seja Deus, seja o Comunismo, seja Nibiru, seja outra coisa qualquer, precisamos absolutamente dum ponto fixo no espaço-tempo. Caso contrário somos perdidos, sem coordenadas.

Acho isso natural. Mas não podemos esquecer que isso tem custos: a intolerância, por exemplo.
E que isso pode ser utilizado: que tal dar ao povo "pontos fixos" preestabelecidos com os quais entreter-se? Que tal dar pontos que possam manter as mentes ocupadas e longe das coisas importantes?

Eu não sei se o assunto Nibiru realmente seja um destes casos, mas que se preste está fora de discussão. Até é possível ver reminiscências de Capuchinho Vermelho (que é mais duma simples fábula), com o Lobo Mau (os Annunaki) que vive na floresta (o desconhecido que assusta: Nibiru). Os ingredientes que sempre fizeram o sucesso dos mitos e das lendas.

E é com os mitos e as lendas que continuam a tratar as pessoas. O mito do eterno crescimento, por exemplo, o mito dum novo governo mundial que pensa em todos nós. O mito da economia. O mito da História re-interpretada.

Isso é informação Incorrecta, um blog que diz apenas uma coisa: atenção, meus senhores, não acreditem em tudo o que ouvem ou que vêem pois raramente há uma só verdade. 
Nem acreditem em mim, mas apenas nas vossas capacidades. Que existem e apenas esperam de serem desfrutadas.


Não gostam? Adeus.


Prenda final

E para acabar, hoje Lisboa estava cheia de fenómenos inexplicáveis, todos capturados com o meu telemóvel.

Logo de manhã consegui fotografar Nibiru:



Mas isso ainda era nada, pois pouco mais logo eis o que apareceu no céu:




Sim, a cauda de Elenin. E reparem como Nibiru (que entretanto tinha mudado de forma) está a esconder-se debaixo dela.
E que não fosse um reflexo é claro: mesmo ao mudar a posição, a cauda ainda é visível:


Até a cauda entra na autoestrada e deixa uma marca no capot do meu carro. Pode ter sido minha impressão, mas pareceu-me ouvir vozes também...



E eis como ficou o capot do meu carro. Reparem, a verniz foi queimada, mas apenas no capot, com precisão milimétrica. Esta pode ser só obra duma tecnologia superior...


Ipse dixit.

31 comentários:

  1. http://www.ufo-blogger.com/2011/05/comet-elenin-white-house-letter.html

    ResponderEliminar
  2. Anónimo12.8.11

    Caro Max
    Leio suas postagens diariamente. Entendo o seu ponto de vista no que tange a crença cega. Não se importe pois algumas pessoas não aceitam ser contraditadas.
    Adoro sua forma de escrever, considero irreverente e extremamente irônica o que revela uma mente pensante e interessante. Adorei seus posts sobre Nibiru (hahaha) eu não vou falar sobre este assunto pois não possuo conhecimento de causa, tudo que sei foi dito por terceiros.
    Continue desafiando a tudo e todos... Não perca sua essência questionadora!
    bjs

    Sly

    ResponderEliminar
  3. Anónimo12.8.11

    Seu post sobre Nibiru foi muito bom,
    me lembrou muito este aqui também:

    http://nebulosabar.com/blog/nibiru-nao-existe/

    ResponderEliminar
  4. Anónimo12.8.11

    Olá, sempre leio seu blog e muitos outros. Gosto da diversidade de opiniões e, cada qual tem a sua.
    O que me chamou a atenção foi um tipo de desespero que a grande maioria mostrou, quando vc tirou, de alguma forma, A MANEIRA QUE ESPERAM O FIM DO MUNDO.
    Parece que as pessoas ainda não perceberam que as massas são levadas e trazidos ao bel prazer de uns poucos.
    Foi muito engraçado ver que as pessoas preferem se focar no externo do que no interno, pq se não há um Nibiru pra nos ameaçar, nos fazer vibrar...onde me agarro então?
    Bom, minha opinião é: Se existe ou não esse tal Nibiru ou o nome que se queira dar, não importa. O que realmente importa não é a mudança que algum astro venha a fazer em nosso planeta, o que importa é a mudança que nós podemos fazer dentro de nós mesmos.
    Seu site é sempre bastante interesante.

    ResponderEliminar
  5. Ricardo12.8.11

    Não apenas o observer identificou o objetivo do max, eu também! :P

    "Eu nunca havia visto tantos comentários aqui no BLOG e nem tanta gente se sentindo ofendida e ofendendo o Max... impressionante... esse para mim foi o post mais inútil do blog... não me acrescentou em nada... porém foi a melhor esperiência social proposta por Max..."

    Mas o resultado dessa experiência social foi... desesperadora para mim...

    "Não é saudável estar bem ajustado a uma sociedade profundamente doente." - Jiddu Krishnamurt

    As pessoas, as quais eu julgava sãs, por questionarem as versões oficiais dos fatos e trazerem à tona versões alternativas que nos fazia refletir de forma saudável...

    ... na verdade são tão doentes como as pessoas "normais". Apenas trocam uma neurose por outra...

    Quanta paranóia...

    ResponderEliminar
  6. pai natal12.8.11

    Só sei que nada sei...é a única coisa que sei...quanto ao resto é simples, pesquisar os diferentes pontos de vista, e supostos factos que os suportam, e principalmente fazer muita introspecção e meditação.

    Não esquecer que o único conhecimento valido é o empírico. e mesmo assim temos que ter cuidado. Por ex: Nibiru pode existir ou não. Ainda não tive nenhuma experiência que provasse que existe. Outro ex: O governo mente, é algo que tenho que dizer que sei, a menos que os noticiários substituam as palavras dos nossos "senhores" por outras, digitalmente, porque se não me engano o passatempo deles é dizerem que vai ficar tudo bem e depois tudo piora.
    Outro ex: À uns anos disseram-me que através de uns simples exercícios de respiração e concentração, podíamos acordar dentro dos sonhos, ou seja enquanto sonhamos, sabemos que estamos a sonhar, e podemos controlar o sonho( decidir quando acaba, modificar o ambiente, criar personagens, andar dum lado para o outro, voar, ir ter com algum gajo que la esteja e obriga-lo a fazer o que queremos). falei com um conceituado Psicanalista que dá aulas no ISPA, e ele disse-me que era impossível. !!!EXPERIMENTEI!!! durante uns dias, e ups...o super especialista da super universidade, que nunca tinha experenciado a ponta dum corno mas já tinha lido centenas de livros estava só totalmente errado.

    Conclusão: quando os annunnaki vos rebentar a casa com canhões laser, já experimentaram a sua existência.
    quando se meterem dentro duma super nave e vasculharem todos os milímetros do universo, e de possíveis universos paralelos e não virem o planeta nibiru, e tiverem a certeza de que não adormeceram durante a viagem, então já experimentaram a sua não existência.

    ResponderEliminar
  7. Única coisa que posso dizer e que o amigo Max não é burro.
    Agora em que sentido, vai saber né...

    ResponderEliminar
  8. Lucas12.8.11

    Max,
    Dou os parabéns a sua forma de expressar ideias e fatos.

    Sou um dos que visitam diariamente todo tipo de blog "alternativo", entre eles Evoluindo sempre, laura botelho, kafe cultura etc...

    Sou um dos que acreditam na historia de Nibiru.

    Mas contra os fatos apresentados por você, e que estão em todo o lugar, não há o que fazer.
    Realmente essa historia de Nibiru,
    não passa de uma lenda, mito.

    Mas, volto a dizer, é a teoria que mais acredito. E não, não me sinto ofendido por ler posts a respeito (a favor ou contra), pq informação nunca é demais.

    Se é verdade ou não, só o tempo dirá. Enquanto isso agradeço a vcs (max, ravenna, laura, rodrigo etc etc..) por mostrar o mundo real e não essa "matrix" que somos obrigados a viver.

    ResponderEliminar
  9. Mércius-SBO12.8.11

    Como diria o seu Madruga: "todo idiota tem certeza absoluta"....apenas devemos nos expressar pessoal, porém jamais julgar ou agredir. Penso agora que eu tenho fe de que haja mesmo alguma reviravolta num futuro proximo, pois todos estamos cansados das porcarias que este sistema nos impõe. Nos sentimos fracos para reagir, e trocamos de fé para manter a esperança. Não podemos nos separar, tendo ou não qualquer fé. É isso que os poderosos querem. Eles são nossos predadores.....Abraços...e vamos nos respeitar...

    ResponderEliminar
  10. Definitivamente não me encontro entre aqueles que por qualquer motivo expressado aqui,nestes últimos posts, estejam pensando em deixar as visitas diárias à este espaço. Esta foi uma das minhas boas descobertas na rede. Estou aqui para adquirir maior conhecimento entre tudo o que for relevante, ou não. Seja através das postagens, seja através dos comentários dos amigos. Quanto a Nibiru em si, ao olho da ciência atual, se trata de um embuste. Mas a ciência é assim, o que hoje é tratado como verdade absoluta, amanhã pode ser visto como devaneio devido à uma nova percepção, ou melhor, à uma descoberta. Por isso, num post anterior fiz menção de vida baseada em arsênio. Lógico, já havia teorias de existência além do carbono, mas tudo muito subjetivo. O que era subjetivo, hoje é fato. No mais, se Sitchim faturou muito em cima das suas teses é um caminho que não me cabe questionar. Se manipulou para que sua teoria estivesse de acordo com o Gênesis, foi muito bem feita e encontra paralelo com o "Livro de Enoch", o que, por sua vez, também pode significar que foi manipulado para alcançar este objetivo. Além é claro dos registros dos livros sagrados do hinduísmo, os Vedas, que também guardam registros por vezes muito semelhantes. Há também registros egípcios. Creio que haja muita semelhança em todos estes fatos. Dá no que pensar. Meu ótimo Max, de minha parte você nunca perderá a freguesia. Participar de tudo que tenho assistido aqui, e olha que sou novo na área, no meu modo de ver é muito especial. Um grande abraço!

    ResponderEliminar
  11. Ué... Max, faltou eu no texto...rs... me senti "excluído" agora...rs... Bacan e tudo muuuito bem respondido nesse novo post. Acho que agora tá tudo bem né...rs... Max, vc é cara inteligente, porém usa DEMAIS o lado esquerdo do cérebro para argumentar. Te dou uma dica, pois num paga nada né... procure usar o lado direito do cérebro tbm... Só razão e intelectualidade enrigesse os nervos...rs... o que importa se esse tal nibiru existe? O que importa se o mundo vai acabar em 2012? Alias, se o mundo não acaba agora, um dia TODOS iremos morrer mesmo, qual a diferença??? É improdutivo esse tipo de discusão... querer "PROVAS", assim poderei "JULGAR"... rs... Razão, razão e mais razão... besteira, agente tem é que dar risada, relaxar e aprofundar os pensamentos e refletir com tranquilidade. Esse negócio de correr atras e cobrar provas o tempo todo cansa...interiorizar-se é mais importante. De onde vc veio? Quem é vc? O que vc quer? Pra onde vai? Pra interiorizar essas questões, é preciso equilibrar EMOÇÃO e RAZÃO = ambos hemisférios cerebrais. Se vc não leu sobre esse assunto, recomendo, pois faz muito bem tanto para a razão como para o emocional.

    Abração!

    ResponderEliminar
  12. Anónimo13.8.11

    E em que o senhor se baseia para expor o ponto de vista? É claro como água que o senhor não leu o livro de Zecharia Sitchin, se não saberia que a descrição que os súmerios fazem do planeta é de um cometa e Sitchin expõe isso no livro. Como falar de algo ou alguém que se tem conhecimento substancial?

    Quem escreveu se meteu a falar do que pouco conhece foi você senhor Max, não preciso provar-lhe nada, muitos links foram deixados para seu conhecimento, mas entre um post e outro com resposta, não foi possível para o senhor estudar a todos, o senhor não está disposto a estudar os fatos. O senhor leu o relatório no Starview em inglês contendo quase 100 páginas a respeito de Elenin-Nibiru?

    Você não está a procura de leitores mas começou o post assim dizendo que o post anterior foi um dos melhores posts, não por causa do que escreveu, mas pelas reações, por causa dos 42 comentários?

    Você expôs conceitos substancias, de forma arrogante, comparando Nibiru a um tipo de religião e quem tornou-se especialista, o senhor? O senhor se acha gabaritado para falar de um assunto que está ligado a uma série de outros? Dos astronomos oficiais, o senhor não ouvirá ou lerá nada, dois já morreram por tentar, o senhor sabia disso?

    E senhor Max, os deuses do "Olimpo" surigiram após os sumérios e sua relação é explícita. O senhor pode encontrar informações sobre isso em dezenas de sites e livros, mas terá que fazer muita pesquisa.

    O senhor mesmo confirma o que o post anterior demonstrou:

    "Mas a verdadeira razão do post anterior não era a existência ou não de Nibiru, assunto que no meu entender nem merece muito espaço. E acerca do qual nem fiz muitas pesquisas, admito sem problemas".

    Admite? Então isso é um problema! Faça suas pesquisas antes de falar de algo que não conhece profundamente.

    No fim o que o senhor Jorge disse a leitora, cabe ao senhor. Ele não precisa expor seus conhecimentos, quem escreve o post é que precisa, caso contrário, não escreva sobre aquilo que não conhece, APENAS PARA RECEBER MUITOS COMENTÁRIOS.

    ADEUS

    Carlos H.

    ResponderEliminar
  13. Augusto13.8.11

    Eu acho o Max um cara legal.

    ResponderEliminar
  14. Augusto13.8.11

    Agora, definitivamente, Niribu não existe. É igual o ET de Varginha, cuja existência também nunca foi provada.

    ResponderEliminar
  15. “O mundo vai acabar sim, mas não ao mesmo para todos” - Fato.
    “Quem crê, pode descrer, e, vice-versa” - Isso é o problema das crenças.
    “Por detrás de tudo há uma questão econômica” – Karl Marx
    “É difícil não crer no Niburi, da mesma forma é difícil crer” – Então, deixa eu continuar curtindo minha vida.
    “Livros para fanáticos são à base de tudo” – Citar livros não quer dizer que é fato.
    E por fim,
    Max, é isso aí, continue curtindo suas férias, pois gostem ou não gostem é a única coisa real. - O que se vive. - No mais se perdem em suposições e deixam de viver... que pena!
    Bom verão, Mano

    ResponderEliminar
  16. Olá Max

    deixo aqui uns links que esclarecem muito bem este assunto :)

    http://astropt.org/blog/2011/08/11/elenin-nao-e-uma-ana-castanha-nem-o-nibiru/

    http://astropt.org/blog/2011/05/22/cometa-elenin-ira-dizimar-a-humanidade/

    existem outros links interessantes nos posts mas não os vou colocar aqui, quem estiver interessado siga-os por sua conta e risco ;)

    Abraço

    ResponderEliminar
  17. Colegas... insisto: (rs)

    Vamos lá... é preciso respeitar as premissas de uma crença.

    Por exemplo: O Max assim como o Augusto provavelmente seja mesmo um cara legal, não duvido disso. Mas Augusto, só porque não se provou algo a vc não quer dizer que ela não exista. Aciência "ortodoxa" se depara com inúmeras coisas inexplicaveis que surgem, mas não pode afirmar que exista só porque não consegue juntar uma prova. Ridículo isso! Tá, você ´do tipo São Tomé, só acredita vendo. Pois bem, seu pensamento e suas emoções existem mas você não as VÊ com seus olhos que a terra ha de comer. Edaí cara pálida intelectual? Cadê a lógica da ciencia para comprovar algo que não se coloca em microscópio e não se tira uma foto ou filma. Peraí que vou mandar uma foto do meu pensamento nesse momento. (rs) ... não, então pela sua lógica brilhante, pensamentos não podem existir porque não os vejo.

    Certo, na fisica quantica se sabe hoje que tudo é átomo e átomo é 99,999% de espaço vazio, certo?! E o que é esse espaço vazio? Onda, energia... E pasme, você é 99,9999% energia, ou seria vazio???...rs...

    Bom, voltando ao assunto Nibiru. O colega Max, simpaticamente elaborou seu texto baseado em suas pesquisas. Ele ACREDITA que Nibiru ou seja lá o nome que vc queira dar a ele, pois hj nos perdemos em seus nomes. Enfim, ele acredita que isso é papo furado, que não existe.

    Agora, eu e mais algumas outras pessoas como minha amiga Ravena por exemplo, que em função da quantidade de evidências de povos antigos como os Sumérios, os Maias, os Egipcios, os Hopis, os Cherokees e mais alguns que não me lembro os nomes agora, cuja o qual não tiveram internet para trocarem e-mails, nem correios para trocarem correspoondencias, mas mesmo assim falavam do MESMO assunto. E não é só isso, mas há escrituras em pedras, desenhos no solo, cilindros de argila, até a biblia que é um livro recompilado, mas que resume muitos escritos da região de biblos na antiga região mesopotâmica fala desse mesmo "astro".

    Pessoas como: Bob Dean, Richard Hoagland, Andy Llouyd, Keith Hunter, Carl Johan Calleman, Joseph Farrell e outros antropologos, historiadores e etc etc... falam do mesmo assunto e hoje temos até a NASA confirmando pra nós. AH! mas vc acha que esse Elenin é apenas um tequinho de gelo solto no espaço e que é pura balela? Vc não desconfia nem um pouquinho dessa história? Só pq mudaram o seu nome varias vezes? Senhores, não acreditar em algo não invalida se esse algo exista ou não. Dicutir isso sim é idiotice. E uer saber, até agora nesse bate papo interessante eu não fui refutado.

    Deixo um grande abraço a vcs. E praqueles que querem pesquisar mais:

    http://starviewer.wordpress.com/2011/08/12/observando-el-cluster-elenin-datos-para-los-que-deseen-investigar-por-su-cuenta/

    http://www.youtube.com/watch?v=r0rYhAFO-Fw&feature=player_embedded

    ResponderEliminar
  18. Ah, e terminando... poxa! esqueci de mencionar... A minha grande amiga Laura Botelho deixou um lik no primeiro comentário que vai colocar de pé os cabelos desses céticos de plantão que baseiam suas premissas em ... no que mesmo??? kkkk... caramba! quais são as premissas de se crer que "nibiru" ou seja lá o nome que se queira dar exista..??? Porque, na boa, essas apresentadas até agora pelo colega Max e pelos leitores nos comentários são bem fraquinhas...

    http://www.whitehouse.gov/sites/default/files/microsites/ostp/ostp-letter-neos-house.pdf

    Porque a própria NASA estaria alertando para futuros eventos críticos?

    Porque a NASA e/ou o governo dos EUA desativaram esse ano o SETI ???

    Porque a sonda WISE está desativado ou em stand by por enquanto???

    Olha que até grandes universidades estão fazendo suas pesquisas: Informe do Dr. Matese http://xxx.lanl.gov/abs/1004.4584v1

    Bom, enfim... me parece que (com todo meu respeito) o colega Max meio que contraditoriamente é que está baseando sua crença em FÉ. Talves sua grande vontade de desacreditar uma evidência que por si só já não dá mais pra ser escondida é que prevalece... e eu respeito isso. Porém, é um esforço em vão...

    http://diarioparanormal.com/blog/desde-1983-la-nasa-sabe-que-nuestro-sistema-es-binario/

    http://starviewer.wordpress.com/2009/07/31/analisis-de-los-patrones-de-colision-de-los-asteroides-en-oort-documento-de-trabajo-ni/

    Parabéns Max !!! esses 2 posts serviram pra podermos EXPOR diversos links como esses que deixei para que as pessoas possam pesquisar (se não forem preguiçosas). E assim, tirarem suas proprias conclusões. É isso aí, show de bola!!! (rs)...

    ResponderEliminar
  19. Anónimo13.8.11

    A pessoa mais sensata a comentar alguma coisa sobre isso acho que seria "Streetwarrior", pois estou acompanhando seu blog, e realmente o cara sabe de muita coisa.

    ResponderEliminar
  20. a questao nao é falar se nibibu existe ou nao nem sobre religiao
    , politica ou etes-ovinis.
    Tudo pode ser discutido
    O fato de ridicularisar quem crer nesses tema incomoda.
    pois todos tem direitos de acreditar ou nao... é questao de ponto de vista.

    ResponderEliminar
  21. Ricardo13.8.11

    Em que momento o Max ridicularizou quem acredita em Nibiru?

    Ele mantém seu bom humor crítico, como em todos posts... ele fotografa nibiru... assim como faz montagens de futebol com londres... assim como apresenta notícias catastróficas de forma ilária como "bom notícia: estamos enriquecendo"...

    Ele tem bom humor com tudo...

    Porém quem acredita em algo marginalizado (como Nibiru) já tem um instinto de auto-defesa muito agressivo... é terrível...

    Todos que temos crenças (isso mesmo... não temos como ter certeza de fatos, então são crenças) alternativas temos essa tendência agressiva de se defender...

    Os negros foram escravizados em vários países do mundo... as sociedades deles se desenvolveram em volta de uma áurea de auto-defesa agressiva, igual a de vocês. Resultado: o negro que hoje vive em sociedades de brancos é mais preconceituoso do que os brancos em questão.

    Respeitem o Max... não queiram que ele mude o tom de "voz", dependendo do assunto relacionado... o Max é o Max... já conhecemos o estilo editorial dele... e é um dos motivos que nos mantém lendo.

    ResponderEliminar
  22. Ora Anónimo do Streetwarrior... não querem aprender!, querem discutir!... e depois são os outros que têm o ego muito grande...
    Também gosto desse blog e sou céptica, mas dá para conhecer outro ponto de vista.
    Como diz outro anónimo:
    Eu acho o Max um cara legal. :))

    ResponderEliminar
  23. Max
    Só tenho certeza da dúvida que existe em mim, dúvida da prepotência de achar que estou certo, certeza de que tudo é uma dúvida e certamente devemos duvidar da certeza com que duvidam de nós.
    A duvida leva ao questionamento.
    A certeza nos leva a estagnação, ao fanatismo, a arrogância e com isso deixamos de pensar.

    Parabéns Max pelas duvidas e pelos questionamentos.

    A duvida faz o cérebro se exercitar.

    Abraços

    ResponderEliminar
  24. Anonimo, tens razão quanto ao conhecimento do colega "Streetwarrior", é bem verdade que seu blog contém informações valiosíssimas.

    ResponderEliminar
  25. Max, amigo, força...
    Em relação a Nibiru estou céptico, estou mais naquela ver para crer...
    Reconheço no entanto que neste processo há algumas incongruências sobre o que aí possa vir. Contudo não vou alimentar aqui especulações.
    Estou mais preocupado com outras coisas, como a Tempestade Solar de 2011 a 2013, com a eminência dum colapso financeiro que poderá mergulhar a Terra na Terceira Guerra Mundial, ou a Nova Ordem Mundial que nos querem impor à força ou até mesmo com Apophis, um asteróide com cerca de 600 metros, que passará pela Terra em 2029 e poderá colidir com esta, em 2036 (sobre Apophis - http://pt.wikipedia.org/wiki/Apophis). Sobre Apophis, os russos já disseram que é urgente tratar dele, caso contrário, a vida na Terra desaparecerá tal e como a que conhecemos hoje. Para o efeito recomendo a todos, a leitura de Cometa, de Carl Sagan. Que pena ele não ser vivo, talvez ajudasse a sossegar muito boa gente. Alias é com imensa pena que vejo os homens de ciência afastados destes debates. Nos meus tempos de Faculdade (em Coimbra), havia inúmeras palestras abertas ao público em geral, que eram muito úteis, para o esclarecimento público.
    Creio que o debate de ideias é útil, desde que feito com o devido respeito e desde que não se atropelem os outros. Lembro a todos que é bom ouvir todos aqueles que não tenham opinião igual à nossa. A disparidade de opiniões também é salutar. Já imaginaram se todos tivéssemos a mesma opinião, quão monótono seria o mundo. Agora imaginem se todos gostássemos do amarelo? O que seria das outras cores.
    Tolerância e saber ouvir os outros, para mim é um valor sacramental.
    Longe de mim com estas palavras ferir alguém.
    Paz.
    Outro valor universal que urge cultivar nos tempos que aí vem.
    Despeço-me com amizade.
    Max e continua amigo o blogue continua excelente como sempre e um abraço.

    ResponderEliminar
  26. Por conveniência aceitamos as constantes como meio para formular complexas equacões que não nos levam a nenhuma parte mais que a comoda racionalização/negação das realidades transcendentes que não por serem transcendentes ou metafísicas, são menos reais, se não mais evidentes em quanto a sua percepção de localização espacial. A negação do empírico, conduz ao sem sentido de negar o evidente quando não é racional, e esta atitude de algunos, é anticiência, por mais que se empenhem em nega-lo.

    Se nosso mundo interior é um universo e adquirimos conciencia dele, descubriremos que aqueles axiomas que a razão não nos permite explicar, uma vez ilhados do contexto global, podemos analisar separadamente do resto das variáveis, que nos afastam da configuração real do Universo. Quando ilhamos o conhecimento de seu contexto, cometemos o erro de crer que metodológicamente as variáveis se convertem em constantes. E esse, precisamente esse é o “grande erro” da ciência de nossos dias, especialmente das análises quantitativas e qualitativas que se formulam nas teses doutorais contemporâneas.

    ResponderEliminar
  27. Anónimo14.8.11

    Parabéns pelo excelente blog!

    A associação internacional WeAreChange está a dar os seus primeiros passos em Portugal:

    http://www.wearechangeportugal.org/

    A WeAreChange é a maior organização internacional anti Nova Ordem Mundial.

    Esteve presente nos protestos anti-Bilderberg em 2010 e 2011.

    A WeAreChange, http://www.wearechange.org/, é um movimento internacional para a paz e a justiça social formado por cidadãos e independente de qualquer ideologia ou religião. Nasceu nos EUA com o objectivo inicial de procurar a verdade sobre os atentados de 11 de Setembro.

    Esta organização pretende denunciar a corrupção dos governos e juntar cidadãos em todas as partes do mundo que estejam interessados em manifestar-se e em educar o público sobre assuntos que são geralmente encobertos ou censurados pelos “meios de comunicação social”.

    Actualmente a WeAreChange está espalhada por mais de 20 países em vários continentes.

    Gostaríamos de contactar com todos os que têm ideais semelhantes.

    Agradecemos desde já a atenção.


    http://www.wearechangeportugal.org/
    http://wearechangeportugal.org/forum/

    http://www.youtube.com/WeAreChangePortugal

    http://www.facebook.com/WACPT

    http://twitter.com/WACPortugal (o Twitter passará a receber updates do novo Blog (espero eu), quando estiver instalado)

    ResponderEliminar
  28. Lobo Guará6.9.11

    Parte 1

    Meu caro amigo, sinto lhe comunicar, mas você é mais um caso comum de programaçâo do sistema.

    Obviamente você já deve ter percebido como o mundo ao seu redor é injusto. Tanta corrupção, tanta sacanagem, e ninguèm se revolta, todos acham normal. Isso é o resultado da programação.

    Não importa se o sistema é bom ou mal, o que importa é que ele deve ser preservado. Para isso, o ser humano é programado, desde que nasce, para aceitar as coisas como são, para aceitar as informações que lhe são dadas sem questionar.

    Desde pequenos somos bombardeados com informação, filmes, novelas, Gugu, Faustão, Big Brother, comerciais de tv, além da informação passada pelos nossos pais, que já foram programados antes de nós.

    Tudo isso pra quê? Simples, para nos transformar em robôs vivos. Para nos fazer achar que sabemos o que queremos fazer, que conhecemos a nossa origem e que somos livres para tomarmos nossas decisões, mas na verdade só estamos seguindo a programação. Aqueles que questionam são os malucos, os subversivos, enfim, as anomalias do sistema.

    Acha que eu estou viajando? Analíse o mundo em que você vive. Sabia que 1% da população mundial controla mais de 40% da riquesa que existe no mundo? É claro que você sabe, afinal economia é a sua praia, não é? Como seria possível as pessoas aceitarem isso sem algum tipo de programação, não seria possível.

    Sou um grande amante da história, então permita-me lhe esclarescer, já ouviu falar de Giordano Bruno? Foi morto na fogueira por defender idéias que se opunham ao sistema. E Galileu Galilei? Foi obrigado a negar tudo em que acreditava para não ter o mesmo fim. E albert Enstein? Conhece? Sabia que ele foi ridicularizado pelos principais físicos e matemáticos da época quando lançou suas teorias?

    Sabia que os povos antigos levavam a escrita muito à sério? Eles só registravam aquilo que consideravam importante para a sua história, religião e organização do dia à dia. Não lhe parece, ao menos curioso, que tantos povos antigos, culturas que nunca se cruzaram, falem sobre seres que desceram dos céus e mudaram seu mundo?

    ResponderEliminar
  29. Lobo Guará6.9.11

    Parte 2

    Já ouviu falar das Linhas de Nazca? Criadas há muito tempo,foram feitas para serem vistas somente por aqueles que podiam voar. E Stonehenge? Um de muitos círculos de pedra construídos com o uso de matemática avançada, muitos durante o Neolítico(Idade da Pedra).

    Como explicar uma cidade de pedra submersa, encontrada na Índia, e datada de 17 mil anos de idade? Nessa época os homens não deviam viver nas cavernas? Como explicar a ascensão súbita do homosapiens no planeta? Em uma hora estavam vivendo nas cavernas e caçando mamutes, e de repente estavam construindo monumentos e pirâmides por todo o planeta. Como explicar a rápida sofisticação das ferramentas? Como explicar o súbito controle sobre o ambiente e o rápido aperfeiçoamento das sementes, principalmente o milho e o trigo?

    Os maiores arqueólogos e pesquisadores do mundo dão, de forma ensaiada, a mesma resposta, "salto evolutivo". Mas o que é um salto evolutivo senão uma contradição dentro da evolução, que diz que as mudanças devem ocorrer de forma lenta e gradual e levando em consideração sempre o fator ambiental. Pra mim, salto evolutivo não é nada mais do que uma forma culta de dizer "eu não sei". Ou "eu não quero dizer".

    Deixa eu te dizer um coisa, o universo não é mais estranho do que se imagina, ele é mais estranho do que podemos imaginar. Nada é impossível.

    E, pra finalizar, eu deixo a seguinte afirmação: Existe a história e existe a história oculta. Ou seja, os livros contém o roteiro do que nós devemos saber, mas, em muitas casos, não realmente do que aconteceu.

    Não estou dizendo que eu acredito 100% que Nibiru e os Anunaks sejam reais. Mas, vendo o mundo como está, 7 bilhões de pessoas vivendo em um sistema falido, incapaz de absorver metade disso. E mesmo assim a população continua crescento e esgotando de forma inconsequente os recursos do planeta.

    Ao ver tantas injustiças, guerras sendo criadas no oriente médio e no norte da áfrica simplesmente para que as nações ricas possam controlar o petróleo do mundo, quando eu vejo tudo isso eu penso, não seria bom se os Anunaks existissem? Talvez os deuss do passado sejam a nossa única espeança para o futuro.

    Eu não acredito em Nibiru, EU QUERO ACREDITAR!!!!!!!!!

    ResponderEliminar
  30. Simples de ele chegar perto da terra ou bater nela, haveria uma destruição devastadora cosmica, a explosão da terra faria com qe nibiru, explodisse tbm, seguido pela lua, venus , mercurio , marte , o sistema solar inteiro '-'

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...