05 setembro 2011

Göbekli Tepe: a História reescrita

Em 1964, uma equipa de arqueólogos turcos e americanos notaram uma colina de aspecto anómalo, no topo do monte Göbekli Tepe (em turco: o Monte com a Barriga), perto do confim com a Síria.

Na altura a avaliação foi errada, pois o local foi abandonado com a ideia de ser um cemitério bizantino e nada mais.

30 anos depois, um pastor reconheceu algumas pedras que pareciam emergir da terra e foram iniciadas escavações exploratórias.

O resultado desta pesquisa, ainda em curso, é que boa parte dos livros sobre o nosso passado remoto podem ser tranquilamente deitados para o lixo.

Os manuais de Pré-história ensinam que a evolução do Homem tem sido algo de linear: antes habitavam nas cavernas, alimentado-se com os produtos da caça e da recolha; a seguir, por volta de 6.000 anos atrás, teria começado a agricultura, na Vale do Indo (Índia), sendo que os grupos humanos passaram de nómadas para sedentários.

Na boa verdade não faltam indícios que apontam para outras direcções, mas até hoje a comunidade científica não alterou as próprias teorias.


Göbekli Tepe revoluciona esta visão. Pois falar de civilizações humanas velhas de 12.000 anos já não pode ser considerada uma heresia. E a razão é explicada de forma muito simples: a datação por radiocarbono atribui ao local uma idade de 10.000 anos, talvez 11.000. Isso significa que foi construído 8/9.000 anos antes de Cristo.

Eis os resultados das análises, apresentadas com o desvio padrão e a calibração Antes de Cristo: 

Amostra
Calibração a.C. Proveniência
Ua-19561
7560–7370 recinto C
Ua-19562
8280–7970 recinto B
Hd-20025
9110–8620 Camada III
Hd-20036
9130–8800 Camada III

Göbekli Tepe: reconstrução digital
Óbvia a surpresa nas reacções dos estudiosos.

Ian Hodder, da Stanford University:
Göbekli Tepe muda tudo.

David Lewis-Williams, da Universidade de Witwatersrand, Sul África:
Göbekli Tepe é o local arqueológico mais importante do mundo.

alguns vão além, porque as implicações são incríveis. Steve Mithen, da Universidade de Reagind (Reino Unido):
Göbekli Tepe é demasiado extraordinário para o meu cérebro.
 Klaus Schmidt, o arqueólogo que começou as escavações:
É tão antigo que antecede a vida sedentária do Homem, antes da cerâmica, da escrita, antes de tudo.Gobekli vem duma parte da história humana que é inimaginavelmente distante, no profundo passado dos caçadores-colectores. Como é que os homens das cavernas construiram algo tão ambicioso?

Talvez por não terem sido simples homens das cavernas. Não podiam ser homens brutos e ignorantes aqueles que tinham conhecimentos de arquitetura, matemática, engenheira, e que até conheciam a escrita ("inventada" alguns milénios depois).

E para perceber do que estamos a falar, e a razão de tanta surpresa, eis algumas imagens do local. Sempre lembrando que, segundo a Pré-história oficial, na altura os homens eram brutos vestidos de peles de animais, vivam nas cavernas, desconheciam a agricultura; no máximo pintavam alguns animais nas paredes, mas mesmo quando estavam particularmente inspirados.

Enfim, pouco mais do que bestas.



Fontes: Luogo Comune, Wikipedia (Inglês)

14 comentários:

  1. Anónimo5.9.11

    Mistérios da história:

    http://www.youtube.com/watch?v=a53kTzgNqj0&list=PL0B73C2F8FFDDD99A&index=74&feature=plpp

    ResponderEliminar
  2. Eu dou a cara, vou brevemente escrever sobre este assunto, as ruinas de Göbekli Tepe tem 12300 anos e tem uma história para contar, eventualmente todos os livros de história terão de ser reescritos, e que dizer de umas ruinas com mais de 17.000 anos que se encontram ao largo da Formosa?
    E não me venham com histórias a falar do papai Enki e Enlil.
    Ainda vou mais longe, os Celtas poderão ter sido a primeira civilização...

    ResponderEliminar
  3. Ricardo5.9.11

    Puxa Max... não acredito que você não sabia... são os Anannuki, os Greys e os Reptilianos... a tecnologia de viagem no espaço não é muito boa... por isso eles aparecem por aqui há 12 mil... depois 10 mil... depois 5 mil... 3 mil... anos 40... e por aí vai...

    Você não sabia que eles que instruiram os humanos brutos e ignorantes à construir Göbekli Tepe, as piramides de Guizé, Matchu Pitchu...

    Ah sim... e mais recentemente o Coral Castle de Miami construído pelo híbrido Edward Leedskalnin!

    ... decepção Max... pensei que você já sabia!!!

    :)

    Hehehehe...

    ResponderEliminar
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  5. Mario Nunes, onde é que estão fotos desse achado?

    ResponderEliminar
  6. Se isso for verdadeiro, antecede ao sistema de crenças! Me alegra saber que haviam humanos desenvolvidos antes de toda essa baboseira ^^ e me alegra mais ainda se o tempo for realmente cíclico, ah não custa nada sonhar...

    ResponderEliminar
  7. Só pequena correção geográfica!!!
    Pela imagem da mensagem as ruínas ficam a és-sudeste de Urfa, quando na realidade fica a és-nordeste... coisa pouca mas importante... quem quiser ver clique aqui baixa um ficheiro kmz para utilizar com o Google Earth

    ResponderEliminar
  8. Marta5.9.11

    Que maravilha saber que há ainda mais coisas para se saber. E como bem disse o visitante Pedro, "ah não custa nada sonhar..."

    ResponderEliminar
  9. Ultimamente tenho lido os mais profundos dislates e bacoradas por aqueles que se julgam os donos da verdade e parece que tem umas palas de cabedal à frente dos olhos e isto a propósito de ETs, de annunaki, de Nibiru e a sua influência no passado sobre as mais antigas civilizações conhecidas até então.
    No entanto há muitas páginas da história que estarão por preencher e eventualmente poderá haver muito mais civilizações do que aquelas que conhecemos hoje.
    Sobre Göbekli Tepe aconselho a todos a leitura do nº 123 da National Geographic, referente a Junho de 2011, sobre este mesmo tema.
    Quanto a Yonaguni em breve os académicos japoneses e chineses talvez desfaçam as dúvidas de muito boa gente a fazer fé nas suas investigações as ruínas estão lá no fundo do mar e já foram datadas.
    Pesquisem sobre o tema.
    Quanto aos celtas sugiro a leitura a todos do livro Primeira Civilização da autoria de Cristoper Knight e Alan Butler editado pelo Circulo de Leitores e terão uma grata surpresa após a sua leitura, aí questionarão tudo, inclusive a História do Mundo actual e ficarão com outra ideia acerca dos celtas. E descobrirão que esta civilização será muito mais antiga do que parece.

    ResponderEliminar
  10. Quanto a Yonaguni convido o Dav7 a visitar ainda algumas páginas do you tube acerca do assunto, como por exemplo esta:
    http://www.youtube.com/watch?v=QzZQU4Bg7F0&feature=results_main&playnext=1&list=PL7590CB5122B05E9C

    Mais, creio que é redundante dizer que a História começou à 8.000 ou há 10.000 anos, com a invenção da roda, da escrita e da agricultura, bem como a sedentarização do homem. Então onde fica Mohenjo Dahro (India), Harappa (Paquistão) e Çatal yuk (na Turquia). Provavelmente as civilizações chinesa e indiana serão mais antigas do que parece e teremos de levar em conta que há mais de 12.000 anos já havia cidades na Turquia.

    ResponderEliminar
  11. Isto para não falar nos brutos que viviam no Vale do Coa há mais de 17.000 anos atrás.

    ResponderEliminar
  12. Anónimo6.9.11

    Voces vão gostar disso:


    As ruínas de Puma Punku:

    http://torqueteam.wordpress.com/2010/05/07/ap-puma-punku/



    Tiahuanaco - A cidade do Sol:

    http://torqueteam.wordpress.com/2010/04/27/ap-tiahuanaco/



    A Serra do Roncador e a Gruta dos pezinhos:

    http://torqueteam.wordpress.com/2011/04/11/a-serra-do-roncador-e-a-gruta-dos-pezinhos/

    Abraços!

    ResponderEliminar
  13. Gostaria de ter o nome do livro que li um dia, dizendo que os primeiros grupos de humanos estavam na américa do sul, no norte do Brasil, onde, o mesmo livro dizia, foram encontrados os fósseis mais antigos do homo sapiens. E seriam estes as primeiras civilizações também. Também li que as primeiras teriam sido, na verdade, na China. Também vi historiadores preconceituosos que diziam que não podíamos ter vindo dos negros, de maneira alguma, já que isto era ultrajante, na visão dele. Vamos lá, pode ter sido em qualquer lugar do mundo, dando origem a qualquer raça! A questão mais entusiasmante da história não é justamente negar tudo o que já foi confirmado?

    ResponderEliminar
  14. Anónimo6.9.11

    http://www.corriere.it/scienze_e_tecnologie/11_settembre_05/caprara-pietre-antiche_c30b3e58-d7fe-11e0-af53-ed2d7e3d9e5d.shtml

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...