22 setembro 2011

O sexo das crianças

Observem as imagens publicadas neste artigo: são meninas de 10 anos.

Aliás, o termo correcto deveria ser "crianças". E estas fotografias foram publicadas pela conceituada revista Vogue na edição do passado Agosto.

Tudo normal?
Até alguns anos atrás, a revista teria sido alvo dum processo judicial, hoje não. É tudo normal, na nossa normalidade anormal. Pois começou a batalha dos direitos sexuais dos menores: os mais jovens têm de ser "libertados".

E já existe a Carta dos Direitos Sexuais da Criança, promovida pelo pedófilo "Child Sexuality Circle”, o Círculo da Liberdade Sexual da Criança".


Nela podemos ler:
Cada criança terá o direito de relacionamentos de amor, também de natureza sexual, com um pai, um irmão, outro adulto ou criança responsável e terá que proteger-se com a utilização de contraceptivos para a prevenção das doenças venéreas.
E mais:
Cada criança tem o direito de ser protegido contra qualquer forma de repressão sexual em casa ou na sociedade de modo que, na idade adulta, possa ser capaz de viver o sexo segundo os desejo natural e não segundo as regras da tradição.

Mas atenção: este é material produzido e difundido por pedófilos, não será desta forma que as crianças poderão "ganhar" a batalha do sexo. Tudo tem que ter uma camada de legalidade.

E é isso que deve preocupar: agora a camada existe.

Kieram Walsh é um advogado e docente de jurisprudência da Universiry of Cork e no Griffith College sempre de Cork, além de examinador na Law Society of Ireland.

Tem trabalhado na Irlanda para modificar a costituição daquele País, na óptica de introduzir os direitos sexuais das crianças.
Este documento vai destacar os limites exteriores da experiência numa aceitável sexualização da criança. Todos os Países têm uma idade mínima de consentimento para o acima da qual uma pessoa pode legalmente envolver-se em actividades sexuais e abaixo da qual uma pessoa é considerada incapaz de fazer uma escolha voluntária e objectiva: então significa que qualquer pessoa que faz sexo com uma criança é potencialmente imputável.

A sociedade tem uma imagem virginal da criança, e qualquer actividade sexual relacionada com ela é considerada não natural e corruptora. No entanto, as crianças envolvem-se em várias formas de experimentação sexual desde uma idade relativamente jovem, como parte do normal processo de desenvolvimento. Este documento concentra-se nas actividade sexual dos adolescentes.

A lei em vigor sobre a idade de consentimento é um muito "dançarina". Alguns Estados têm uma idade de consentimento rigorosa, uma linha vermelha fixada arbitrariamente abaixo da qual uma criança é considerada incapaz de dar consentimento. Outros Estados dizem que uma criança é capaz de expressar o seu consentimento, mas apenas nos relacionamento com os seus pares, e não com alguém significativamente mais velhos. 


Este trabalho visa demonstrar que a idade do patener sexual da criança é irrelevante do ponto de vista da mesma criança. Para as crianças, o acto sexual é parte do crescimento. Defendo que a lei deve reconhecer a capacidade das crianças para tomar decisões informadas e que a mesma lei deve refletir a realidade de que os adolescentes podem ter uma vida sexual e agir como pessoas maduras.
Em primeiro lugar: Walsh utiliza com a máxima descontração os termos "crianças" e "adolescentes" como se fossem a mesma coisa. Mas não são. Há diferença entre um ser humano de 5 anos e um de 17. 

E será suficiente um caso judicial com uma criança de 7 anos mais desenvolvida que afirme: "Ninguém obrigou-me, não houve violência, gosto de sexo, descobri o meu corpo e não quero ser reprimido" para começar a criar problemas. 

Eu não tenho nada contra o sexo (bem pelo contrário!!!), mas há limites.

Limites fisiológicos (Walsh não diz que relacionamentos sexuais demasiado precoces podem provocar problemas na capacidade reprodutora das mulheres), limites no campo do desenvolvimento (até a que ponto uma criança pode ser consenciente?), limites da psiquiatria (alguém consegue explicar qual a graça do sexo com uma criança de 6 anos?).

E, como é óbvio, nem falo dos limites da moral.

Por enquanto estamos perante as pretensões dum grupo de pedófilos não declarados.
Mas já aparece a tal camada de legitimidade, com as palavras dum docente universitário.

Pequenos passos para incrementar o crescimento da ideia, para formar ligações profundas entre determinados centros nevrálgicos (arte, publicações) e fazer que a ideia circule.
Pequenos passos na direcção da destruição de todos os valores que acompanharam a nossa sociedade ao longo dos milénios. 


Ipse dixit. 

Fontes: Mail, J.Reisman, Neovitruvian´s

15 comentários:

  1. Pelos deuses Max, sinto vontade e vomitar!

    ResponderEliminar
  2. Xenofonte22.9.11

    Pedro, somos dois, e' um nojo completo que tenho por esses pedofilos e exploradores. Este artigo fez-me lembrar um grande filme: Miss Little Sunshine.

    Por aqui em Inglaterra surgiu uma noticia tambem relacionada com criancas que tem dado que falar:
    http://www.bbc.co.uk/news/uk-15018247

    Ao que o ser humano chegou???

    ResponderEliminar
  3. Ricardo22.9.11

    Pedro disse exatamente o que eu iria escrever agora...

    Que coisa nojenta... vontade de escrever palavrões...

    Cara... esses concursos de desfile de crianças... com direito à reality show... é óbvio que estão estimulando a pedofilia!!!

    UMA MENINA QUE NUNCA MENSTRUOU... UM MENINO QUE NÃO ENTROU NA PUBERDADE... É CLARO QUE NÃO PODEM FAZER SEXO!!!

    Sou homem... para se sentir atraído por uma mulher... ela precisa ser MULHER... com os hormônios que existem hoje, pode até existirem mulheres de 14 anos (já na puberdade)...

    ... porém... 10 anos? 8 anos? 7??? QUE NOJO!!!

    Realmente estamos bem avançados à caminho do fim... que nojo...

    ResponderEliminar
  4. Faltausername22.9.11

    Grande Max,

    É difícil até escrever sobre uma aberração destas. O estômago realmente fica revirado ao ler tamanha desfaçatez. Claramente se a sociedade tivesse de nomear sua mais alta finalidade, esta deveria ser a de proteger as crianças e as preparar para serem pessoas completas. Depois disso eu penso em Admirável Mundo Novo e como o sexo das crianças era tratado - estamos chegando lá...

    Obviamente aqui é o sexo, mas a exploração dos pequenos ocorre em todos os campos, vide documentário Crianças a Alma do Negócio (basta usar o google). Além disso aqui no Brasil quanto mais o produto (alimentar) é voltado para as crianças mais procaria ele têm. Vá no supermercado e olhe suquinhos Kapo e outros do gênero.

    Por último eu gostaria de dizer que essa é a única hora onde eu realmente gostaria de pedir desculpas a todos os meu amigos mais pacíficos e racionais, que provavelmente são os frequentadores deste blog, mas neste caso a vontade realmente é de utilizar argumentos menos nobres e certamente não verbais.

    ResponderEliminar
  5. Vamos todos vomitar juntos! Em uníssono! kkkkk!!!

    Brincadeiras a parte, esse tema é escabroso. Que tipo de tesão pode haver com crianças? Tipo esses padres que assediam coroinhas (independente de sexo). Talvez seja o mesmo tipo de tesão que um estuprador tem. Algo doentio, talvez mais relacionado a violência do que a sexo propriamente dito.

    E o que leva uma revista dessas a fazer algo do gênero? "Emperequitar" crianças? Com que finalidade? Hoje vejo minha sobrinha de 11 anos "pirando" em comprar maquiagens, brincos, etc, e fico pasmo. Ela só tem 11 anos, devia é brincar de boneca e se sujar na terra, ir no parquinho e ralar o joelho. Mas a propaganda parece ser mais forte e, creio eu, almeja substituir a voz dos pais, no que diz respeito a liderança da família.

    ResponderEliminar
  6. Nos anos 80 houve uma polémica muito grande, pois a actriz Brooke Shields foi utilizada pela própria mãe para posar para uma revista de adultos, com 10 anos de idade e se não me engano, foi para a Playboy.
    Entretanto com a moda, incutiram o modelo baseado na excepção, chamado o modelo barbie. Esse modelo tornou-se um verdadeiro maná para as empresas de moda e cosmética, pois como é baseado na excepção, poucas mulheres se sentiam e sentem dentro desse modelo... para o conseguirem, utilizam de tudo, desde cirurgia estética a dietas profundamente nefastas e causadoras de muitas mortes. Isto foi uma forma subreptícia de o Homem, perante as conquistas da nova Mulher a escravizar de novo.
    Entretanto e não contentes, os designers de moda, que devem ser todos pedófilos, resolveram acabar de todo com modelos com carne e curvas, aproximando a mulher de uma criança. Esta última moda é nojenta, nefasta para as modelos e tem causado uma doença que está a subir de nº avassaladoramente que se denomina anorexia e/ou bulimia. A mulher não se quer sentir excluída e cai em todas estas armadilhas!
    Pela primeira vez na História da Humanidade se morre de fome, não por falta de comida, mas porque o corpo humano conseguiu quase o impossível... não se conseguir defender e ainda recusar-se à sobrevivência. O instinto de defesa foi suprimido. Se isto chegou até aqui, sinceramente não sei onde vai parar!...
    O bicho Homem, é muito perigoso, safa!

    ResponderEliminar
  7. Ricardo22.9.11

    É melhor focar as atenções em problemas sociais, políticos e econômicos...

    ... se formos olhar para a pedofilia postada pelo Max, para as crianças se espancando postado pelo Xenofonte ou os adultos espancando e queimando os outros vivos postado pelo Saraiva...

    ... bem, se formos olhar por essa óptica eu, com certeza, desisto de tentar buscar alternativas para o mundo...

    ResponderEliminar
  8. Anónimo22.9.11

    Max,
    um conselho..

    Colocar mais espaço de atualização na barra de "últimos comentários" pois ultimamente o blog tem recebido muitos comentários. E acho que não é somente eu que não estou mais conseguindo acompanhar todas as atualizações dos leitores em cada post.

    abraço!

    ResponderEliminar
  9. Anónimo22.9.11

    MAX E PESSOAL,
    OLHEM ESTE VÍDEO, A PARTIR DOS
    9:30 MINUTOS:

    http://www.youtube.com/watch?v=3cMtUuJJLZQ&list=PL1C697C75054FD049&index=35

    É de extrema importância olharem e entenderem o que realmente está acontecendo! Olhem, pensem e reflitam! Max, isto que está ocorrendo é algo horrível demais para passar despercebido.

    Depois que olharem o vídeo acima, olhem este inteiro:

    http://www.youtube.com/watch?v=2m92BZ91-Lg&list=PL1C697C75054FD049&index=29

    ATENÇÃO! Não estou sendo preconceituoso, muito pelo contrário! Nesses casos, devemos manter os valores de cada pessoa, devemos manter nossa moral! E desculpe Max se ultimamente ando postando muita coisa do Olavo em seus posts, mas não consigo deixar de postar, uma vez que tudo isso que você escreve se relaciona com muitos vídeos deste filósofo.

    Obrigado,
    e não deixem de conferir os vídeos!
    Mesmo quem não concorde com a visão apresentada.

    ResponderEliminar
  10. maria22.9.11

    Olá todos: enojados, nem tanto e mais enojados ainda
    No início da industrialização os filhos dos operários vestiam como operários adultos, trabalhavam como operários adultos e não estudavam como seus pais também não. Não sei sobre a vida sexual destas crianças, mas sei que viver como adultos não era bom para eles.
    Nos muitíssimos lugares não desenvolvidos econômica e/ou socialmente as crianças foram e são escravas do trabalho rude e imposto, dos patrões, pais e abusadas sexualmente por todos. Sei que não é isso que elas querem.
    Simplesmente elas são junto com idosos e animais, os seres animados mais fracos, mais vulneráveis.
    Tudo que puder ser mercantilizado nesse planetinha é mercantilizado com a anuência da sociedade: o cadáver martirizado dos animais, o corpo das crianças e dos adolescentes. E nos lugares ricos e com bem estar social, os pais arranjam um jeito de explorá-las para obter um dinheirinho a mais, um "status-zinho" a mais. A moral se reinventa de acordo com os negócios!A moda e os hábitos também.
    E o respeito pelo outro meus caros... é só uma palavra a enfeitar os discursos.
    As meninas besuntadas de maquiagem que estão no post me lembraram de imediato as imagens de vacas e perus alegremente a saltar nas embalagens da indústria de carnes. Só! Desgraçadamente só isso!

    ResponderEliminar
  11. Anónimo22.9.11

    Deixem-me contar algo ainda mais surpreendente (pela negativa) que aconteceu há poucos anos atrás.

    Estava eu, à noite, frente à televisão, de telecomando na mão, a fazer "zapping", quando passo por aquele célebre canal nº. 18 (ou 26, nalguns casos), de seu nome VIVIR.
    Este, a meio da semana, quando chegava a noite, mudava de nome, passava-se a chamar INTIMO e só passava pornografia.

    Naquela noite e naquela hora (que nem era tão avançada assim), a imagem que surgiu no écrã foi a de uma miúda, que ainda mal tinha peito, se é que o tinha de todo, a dançar e a apalpar-se toda, com ainda mais fulgor que uma mulher com mais que o dobro da idade dela, em pleno dia, ao ar livre, num terraço de um prédio e nas escadas de acesso ao mesmo.

    Eu fiquei parvo. Como é que fazem uma coisa daquelas e ainda para mais a passam na televisão, e àquela hora?
    É assim que, subtilmente, inesperadamente, e descaradamente, vão corrompendo e destruindo tudo o que ainda há de decente na mente humana.

    Eu não sei o que aconteceu depois de transmitirem isso...se houve alguma queixa-crime, ou coisa parecida, por parte de alguém...alguém sabe?

    ResponderEliminar
  12. Marta22.9.11

    Genteeee! Não há palavras para qualificar isso! Aonde vamos parar? Nojento! Porco! Eu, como mulher, fico horrorizada!

    ResponderEliminar
  13. Daniela23.9.11

    Obrigada querido Max, pelas explicações sobre o caso-Obama em Denver_, ahahah, voce é muito sagaz, fico rindo a toa....Mas os blogs falam com tanta certeza, que acredita-se..Fiz pesquisa no google, e realmente o simpático estaria lá, então acreditei mesmo. Sempre dou uma espiada nos blogs que falam sobre essas coisas, é divertido tbém, aliás foi através de um deles que cheguei ao seu , Informação MUITO Correta, para nós seguidores...sem dúvida tbém,pensei :- ¨que lugar para se fazer um bunker, debaixo de um aeroporto, estranho mesmo¨¨, e vc me esclareceu tudo isso, até aas fontes que não são nada confiáveis...Quanto as crianças, aqui no Brasil, em festas de aniversário, se vê todas meninas de 5 a 10 anos, vestidas de mulher, devidamente pintadas e de salto nos sapatos, botas e saia curtinha então...E se voce fizer algum comentário, as mulheres em volta, te atacam dizendo:- é normal, as meninas querem, não tem como negar, vão assim para a escola, normal hoje em dia, voce é que esta por fora....E assim é melhor se calar, para não causar um embate na festa....Abraço apertado.

    ResponderEliminar
  14. Anônimo gostei muito do vídeo, o que Olavo de Carvalho fala é a mais pura verdade, estão invertendo os valores morais.
    A verdade seja dita que infelizmente a nossa sociedade é feita na maioria de hipócritas, desde que o mundo é mundo existe a prostituição, a mulher vendendo seu corpo, mas eu pergunto a vocês: um produto é vendido quando não tem consumidor? NÃO. Consumidores para comprar uma mulher para sexo é o que mais tem no mundo. Fazendo uma pesquisa provavelmente 99,9% dos consumidores de sexo são homens, as estatísticas nos mostram que a maioria dos pedófilos são homens, raramente se vê uma mulher pedófila. Várias entrevistas com prostitutas mostram que as mesmas entram nessa vida com o único objetivo de ganharem dinheiro, pois se tivessem outras opções jamais se submeteriam a isso, e tem mais, todas essas mulheres dizem que seu sonho é um dia sair dessa vida, casar e formar uma família.
    A pedofilia é a mesma coisa, só existe porque tem inúmeros consumidores.
    Estatíscas mostram também que numa família o homem é quase sempre o hipócrita. Enquanto as mães estão preocupadas em educar os filhos e trabalhar para ajudar no orçamento doméstico, os homens estão preocupados em terem casos extra conjugais. As mulheres na sua maioria sempre foram emocionais, enquanto os homens sempre foram e são físiológicos, o homem faz sexo sem envolvimento emocional, já para a maioria das mulheres o sexo tem que haver envolvimento emocional. Infelizmente a maioria dos homem em certos momentos ainda vive na idade da pedra, não evoluiu absolutamente em nada.

    Abraços

    ResponderEliminar
  15. Sinceramente?procurei palavras p escrever,mas estou incoformada,estou em choque...Triste demais,senhor da glória toma conta das nóssas crianças,inoscentes...

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...