24 novembro 2011

Greve geral

Hoje dia de greve geral em Portugal.

O Público, cada vez mais parecido com O Globo:
  • Greve geral arrancou no Porto a meio gás
  • Uma greve geral muda alguma coisa?
  • Governo divulga quinta-feira números sobre adesão


O Diário de Notícias:
  • Governo acredita que greve geral vai ter "forte adesão"
  • Paralisação será a maior dos últimos 30 anos, diz Louçã
  • Carvalho da Silva: paralisação já está a ser um êxito
  • É esperada grande adesão face a " brutais sacrifícios"

Desconfio sempre quando os sindicalistas, "estes paladinos dos trabalhadores", abrem boca: demasiadas vezes as greves foram utilizadas como simples prova de força para fins políticos, ficando esvaziadas do real sentido que deveria ser aquele de medida extrema perante situações de particular gravidade.

Mas hoje, talvez pela primeira vez após muito, muito tempo, participar faz sentido. 

Mudará alguma coisa? Nem pensar.
O Primeiro Ministro não poderia mudar de rumo, nem que assim desejasse: as ordens são ordens, o simpático Pedro Olha que Passa um Coelho (ou algo de parecido) não tem vontade nenhuma de perder o lugar, e a única maneira de preservar o comando deste governo anti-português é aplicar rigorosamente as indicações recebidas pelos donos.

Mas os cidadãos não podem abdicar desta que é se calhar a última ocasião para exercitar a cidadania num País cada vez mais esvaziado de sentido nacional e cívico. Além de economicamente falido.

Quanto ao futuro, este está traçado: "vivemos acima das possibilidades", "o Estado gasta demais", "são precisos sacrifícios", "temos que dar um passo atrás para depois poder dar dois passos à frente" e outras absurdidades que qualquer um pode ouvir nos media.

Isso e a aplicação das mesmas medidas que levaram a Grécia até a actual situação de desespero. Porque a ideia é simples: se funcionaram na Grécia, porque não deveriam funcionar em Portugal?
E não tenham dúvidas: funcionaram. 


Ipse dixit.

1 comentário:

  1. Como já escrevi várias vezes... Nós somos a Grécia apenas com uns meses de atraso... para não variar!

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...