10 novembro 2011

iiFórum

Pois é isso: no fundo da página é possível encontrar um novo espaço, cujo nome é iiFórum.

A ideia era encontrar forma de inserir um espaço "aberto", no qual os Leitores pudessem escrever para eventualmente ampliar as discussões geradas com os posts, submeter pedidos, inserir imagens, vídeo, links e mais ainda.
Ao mesmo tempo não gostava da ideia dum link para um lugar externo, de forma a manter tudo no interior do blog.

Afinal encontrei a possibilidade de embutir um fórum, que na verdade não era bem a minha ideia, mas enfim...

Mesmo assim, o conceito fica: não um verdadeiro fórum (já há online fóruns dignos deste nome), mas um simples espaço onde todos possam escrever.

Escrever o quê?
Sei lá eu, o espaço é vosso, não meu.

Por enquanto o fórum não apresenta publicidade, mas no prazo de 29 dias esta deverá aparecer. Segundo o tipo e o tamanho dos anúncios (que são de responsabilidade do site que hospeda o fórum e não de Informação Incorrecta, pelo que não apenas não ganho nada com isso como não posso escolher o tipo de publicidade), o fórum pode desaparecer repentinamente.

Para ser ainda mais claro: se no prazo de 29 dias aparecer a publicidade da Goldman Sachs, por exemplo, vou apagar tudo. A não ser que a Goldman decida corromper-me com um valioso cheque de muitos zeros... :)))

Por isso continuo desde já a procura para soluções alternativas.

Para poder utilizar o iiFórum é precisa só uma registação.
Como eu não tive que registar-me (sendo o Administrador), agradeceria que alguém avisasse caso houvesse problemas de qualquer natureza (publicidade, instalação de toolbar, etc.).

Obviamente, sendo um espaço livre para os Leitores, é possível abrir novos tópicos, em qualquer altura (prévia registação). Actualmente estão presentes 3 tópicos (outros dois estão bloqueados: "Bemvindos" e "Regras"), que são apenas o ponto de partida.


Ipse dixit!

8 comentários:

  1. Anónimo10.11.11

    Gostei também Max.

    Agora Max, sem atropelo, imagino teus afazeres e tua preocupação com o que aqui vai publicado, mas sería possível num tempo qualquer uma busca nos alfarrábios do Léo, de algo que pudesse desvendar o que e quem anda por trás de empresas como Cargill, DuPont e Montsanto? Hoje mesmo, nesta sala de espera de oficina mecânica, entrei no blog do Gilson Sampaio e dei de cara com o artigo: "Aumenta Incidência de Câncer e Bebês Malformados em Regiões de Soja Transgênica". Este assunto talvez mereça uma esmiuçada, por se tratar, ao que tudo indica, de uma obra diabólica. Se possível dê uma força pro Léo nesta empreitada. Desde já te agradeço.

    Walner.

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Ó MAX... deixaste corromper com um cheque de muitos zeros??? Então não aprendeste NADA de NADA com o Leo???

    Qual cheques qual quê... MAX a ser corrompido só com OURO, PRATA e PLANTINA... fiquem lá eles com o papel-moeda...

    falhaste forte e feio!

    ResponderEliminar
  4. Anónimo10.11.11

    Esse "VOZ a 0 db" é louco!

    Nunca entendo seus comentários!

    ResponderEliminar
  5. Estes Anónimos são doidos...

    eheheh "Nunca entendo seus comentários!" ahahahaheheheheh

    Nunca entendes porque infelizmente não és louco... e louco é o novo normal. Aliás sou o primeiro doutorado em Loucura pelo MIT... ora toma!

    Mas se não entendes pergunta ao Leo que ele explica... eu não gosto de me defender contra ataques de pessoas anormais!!!!

    ResponderEliminar
  6. Ricardo11.11.11

    Nada disso VOZ...

    Não viu a citação de John F.C. Fuller pelo próprio Max?

    "teria chegado um tempo em que todos os Estados sem reservas de ouro teriam trocado mercadorias entre eles; de modo que não só a demanda de empréstimos teriam acabado e o ouro teria perdido valor"

    Na verdade, o ouro, prata e platina, vele tanto quanto um cheque da Goldman... não são riqueza... são apenas uma representação monetária... só têm valor se for estipulado!

    :)

    Sabia que 0 dbA é muito alto? :)

    [ ]s

    ResponderEliminar
  7. Ricardo... faltou-te um bocadinho assim ' '!!!

    Só por curiosidade, há quantos séculos é o ouro/prata utilizado quer como moeda efectiva, ou padrão, ou escape de moeda-papel?

    Evidente que todos nós estipulamos os valores de tudo e mais alguma coisa... nunca vi foi o ouro/prata perderem o valor... esta para mim é nova... mas como estamos sempre a aprender...

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...