20 março 2012

Deus salve as galinhas

Sinais. Pequenos/grandes sinais que surgem no globo. Tudo normal ou algo está em marcha?
O Leitor é que sabe. Informação Incorrecta tem o papel de mostrar os vários sinais.

Por exemplo: nos Estados Unidos, o simpático Nobel da Paz Barack Obama acaba de assinar uma Ordem Executiva do Presidente (que é ele, o simpático Obama!), com o nome de Preparação Nacional dos Recursos para a Defesa. Tal ordem pode implementar a lei marcial no território americano em tempo de paz.
Mas vamos ver com mais atenção.

Esta Ordem confere ao presidente o poder de utilizar qualquer coisa que seja julgada necessária em nome da defesa nacional. Isso em tempo de paz porque, como diz o nome, estamos perante uma "preparação".
Não é este um cenário de guerra, não há aqui um ataque: são os Estados Unidos que se preparam.

Assim, alegremente, os ministros da Agricultura, da Energia, da Saúde e Serviços Sociais, dos Transportes, Defesa e Comércio podem entrar numa quinta qualquer e dizer ao dono:
- Em nome da Ordem Executiva do Presidente dos Estados Unidos para a Preparação Nacional dos Recursos para a Defesa, faça o favor de entregar comida, gado, adubos, máquinas agrícolas, todas as formas de energia, água e recursos hídricos, todos os veículos de transporte e qualquer outro material que possa ser útil, inclusive os materiais de construção.
- Também as galinhas?
- Sobretudo as galinhas: com aquele olhar fixo vêem tudo e são perigosas.

De facto, as galinhas têm um ar suspeito.
Mas que faz o Estado com todos os materiais da quinta? Entrega tudo aos serviços ou estruturas que precisam dele em nome da Defesa.
Como realça Kent Welton, cidadão americano que comenta a nova lei, isso permite entregar recursos às empresas privadas. Porquê? Porque é esta uma fase de preparação e, como tal, prevê modificação ou ampliação de estruturas de produção privadas, melhoria nos processos de produção, entrega de instrumentos estatais em prol da capacidade produtiva das empresas, fábricas, indústrias privadas.

É difícil perceber como uma galinha possa melhorar um processo produtivo, mas a guerra é guerra e nunca se sabe. Pode haver uma ameaça de guerra e depois tudo não passar dum falso alarme: entretanto as grandes empresas agradecem pois as galinhas permitiram ter ovos frescos de graça ao longo dum tempinho. E um ovo fresco de manhã é toda saúde.

Consequências? Se os Estados Unidos decidissem aplicar esta lei em tempo de paz, obviamente haveria escassez de comida e matérias primas. É por isso que tais iniciativas são tomadas depois do início duma guerra e não antes. Durante a II Guerra Mundial, por exemplo, os preços começaram a ser controlados por parte do Estado apenas em 1942 e o racionamento foi introduzido em 1943.

Com a aplicação desta lei, o Governo pode tranquilamente tomar posse das propriedades dos cidadãos e redistribui-las em nome dum hipotético "esforço bélico", com grande vantagem das corporações com referentes políticos no Congresso. Todos os contratos previamente estabelecidos são ultrapassados pela presente Ordem Executiva: única excepção são os contratos de trabalho.
O resto, tudo o resto, fica nas mãos de seis ministros.

Que os Estados Unidos desejem impor a lei marcial em tempo de paz é hipótese remota. O facto mais importante é realçar como o Presidente dos EUA possa actualmente exercer um poder sem controle.

Estamos perante uma ordem executiva publicada na tarde duma Sexta-feira, ignorada pela maioria dos media, difundida apenas nos canais da informação alternativa. E como estes gostam de realçar os aspectos mais espectaculares e improváveis (como a efectiva aplicação da lei marcial em tempo de paz), a notícia perde credibilidade, fica ignorada e a lei passa no armazém das medidas "congeladas" mas úteis em casos extremos. Casos nos quais serão utilizadas sem que seja possível contraria-las, pois aprovadas, assinadas e carimbadas pelos "representantes" do povo americano.

A lei denominada National Defense Resources Preparedness é uma medida construída para que, em casos de complicações, a situação não fuja de mão. Pode ser uma guerra externa, pode ser uma revolta interna: em qualquer caso, a elite quer estar preparada. As galinhas que se cuidem.


Ipse dixit.

Fonte: Executive Order -- National Defense Resources Preparedness texto em língua original na página internet da Casa Branca

12 comentários:

  1. Anónimo20.3.12

    Vejam este episódio de Jesse Ventura, é um pouco antigo, mas já falava deste plano de lei marcial:

    http://www.youtube.com/watch?v=GSoCovigni4

    ResponderEliminar
  2. Avançam a agenda. Obama, um escravo de luxo, como todos os seus antecessores, é o máximo do cinismo vigente. Faz o que a casa grande nazi-sionista lhe programou fazer. Avançar a implantação do 4º REICH. Sinto muito, sou grato. P.S. O EUA são o país mais poderoso do planeta daí ser o primeiro da lista a receber a implantação, "o resto" será como eles dizem: "peace of cake". Sinto muito, sou grato.

    ResponderEliminar
  3. maria20.3.12

    Olá Max: realmente o mundo "evolui"! No Brasil, quando a corôa portuguesa aqui chegou, fugida de Portugal, e o país não dispunha de casas adequadas para acomodar a família real, os serviçais da aristocracia punha um sinal nas portas das melhores residências - P.R. - que significava "ponha-se na rua", que indicava aos proprietários o que fazer para acomodar a real família.Coisa normal.
    Os filmes holydianos de "ação" sempre ostentam aquela cena na qual os homens da lei interceptam um automóvel qualquer, que óbviamente é propriedade de alguém, e passam a utilizar-se dele, em nome da lei. Coisa normal
    Pelo mundo inteiro, se subtrai propriedades móveis e imóveis de pessoas e povos, grupos e famílias, em nome da lei, da defesa, da segurança, dos interesses "maiores", e dos "maiores". Coisa normal.
    Agora, Obama,cidadão "evoluído", homem pragmático, político experiente, generaliza essa regra normalizada para tudo e todos, sob qualquer pretexto, na oportunidade em que os "maiores" acharem conveniente. Eu não sei o que vocês veem de anormal no evento...Também é coisa normal, pois. Abraços

    ResponderEliminar
  4. Anónimo20.3.12

    o ser humano se comporta como os macacos ou outros mamíferos.
    o macho alfa fica com a melhor parte e os outros que corram atrás.
    deficientes, mulheres e crianças primeiro?
    esperem sentados.
    emerson57

    ResponderEliminar
  5. Estou com a maria... Isto está tudo dentro da normalidade... E não me admira nada que daqui por uns dias a E.O. seja bem-vinda e bem acolhida no seio dos Escravos Americanos, que conseguem ser, na maioria, ainda mais imbecilizados que os Portugas....
    É tudo tão normal... que... observem... e que vêem? Exactamente... NADA! Tudo rola o dia-a-dia dos Escravos não sofreu nada... Ainda lhes dão umas moedas em troca do trabalho... em breve trabalharão sem direito a compensação... em nome da "Segurança Nacional". Haverá na Vida de um Escravo algo mais importante do que garantir a "Segurança Nacional"?

    ResponderEliminar
  6. Os seus comentários Maria, são realmente geniais.
    Max... este post está genial. Parabéns!
    Enfim, quem se tem de preparar para o pior são os escravos! Por causa da alienação geral, e a questão de tudo já ser normal, arrasta-nos para estas situações, porque realmente somos uma minoria de cépticos que não "engolem tudo" à primeira... lá está, eu olho para o que como.

    ResponderEliminar
  7. Anónimo21.3.12

    Depois da NDAA - National Defense Autorization Act, agora temos a NDRP - National Defense Resources Preparedness. Espera-se que de seguida venha a NDFTA. National Defense Fuck Them All ( versão hollywood, tipo Rambo XIII )

    Definitivamente o prémio nobel anda inspirado.

    Krowler

    ResponderEliminar
  8. Marcelo21.3.12

    Lembrei agora daquele vídeo que a NASA tinha feito para as
    pessoas se prepararem em momentos difíceis ou de catástrofes.

    ResponderEliminar
  9. Como bem disse o voz, o povo americano é totalmente imbecilizado, enquanto puderem gastar nos cartões de créditos e consumir cada vez mais não vão se importar com mais nada, são presunçosos e arrogantes, continuam achando que moram na terra da liberdade e que isso que o governo faz é para o bem, pois acreditam que isso vai trazer mais segurança. Infelizmente não consigo sentir pena, infelizmente sinto até um pouco de prazer mórbido quando vejo finalmente a máscara americana caindo, esse povo idiotizado terá que pedir ajuda, resta saber se vai haver alguém no mundo que queira ajudar.

    Abraços

    ResponderEliminar
  10. Não Podemos Esquecer Que o Desgoverno do PT Adoro Cópia as Idéias do Governo Obama

    ResponderEliminar
  11. Anónimo21.3.12

    sr. idevam,,
    proponho uma troca:
    eu concordo com o sr. que o que pt faz é um desgoverno,
    o sr., em troca me diz qual foi melhor.
    abraço.
    emerson57

    ResponderEliminar
  12. esse é o novo nome para ladroagem generalizada e disseminação da fome em menor escala . numa época de guerra , quando a população tem maior necessidade , o governo tem a permissão de tomar todos os seus pertences deixando todos com uma mão na frente e outra atrás . enquanto o povo passa fome , eles lançam ogivas , foguetes de 14 milhões , tanques , bazucas e por ai vai .

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...