12 junho 2012

...e o Bilderberg disse: fora do Euro!

Olhem só, hoje sobra um pouco de tempo.
Então vamos fazer o quê? Vamos falar duma teoria da conspiração!!!

Malandro este Max.
E estúpido também: não sabe que as pessoas têm a liberdade de acreditar em tudo o que assim desejarem?
Claro que sei. Mas eu tenho também o direito de dizer o que penso. Ou não?
Então eis o Bilderberg.

O Bilderberg.
Quem pode duvidar do Bilderberg? Ninguém, óbvio.

A reunião dos simpáticos Bilderberguenses acabou. Na minha óptica, isso significa que as ordens foram transmitidas e ponto final. Mas segundo outros não é bem assim: o Bilderberg é muito mais do que isso. Então vamos ver quais as decisões tomadas, pelas palavras de Daniel Estulin, especialista Bilderbergaro.

No plano geopolítico, particulares preocupações existem acerca da Rússia e pelo facto de Vladimir Putin pretender manter intacta a soberania do próprio País.

Revolucionário, sem dúvida. Era precisa uma reunião nos Estados Unidos para entender isso.

Mais: outro problema é a atitude beligerante da Rússia perante as bases Nato que rodeiam o País e os sistema anti-mísseis apontados contra Moscovo. Explica Estulin que a Rússia já não é a potência duma vez mas ainda tem armas nucleares e estratégicas.

Nãooooo! E eu que pensava que na Rússia tivessem ficado só com a vodka! Ainda bem que existem estes especialistas.
E, para acabar com as grandes revelações: a Rússia é terra rica de petróleo e gás natural, matérias que constituem dois terços das exportações totais do País.

Resumindo: esta parte da reunião Bilderberg foi dedicada a assuntos que podem ser encontrados em qualquer blog de informação alternativa e nas páginas de Wikipedia. Notável.

Mas o melhor ainda tem que chegar.

Explica Estulin (que, lembramos, é um dos maiores especialistas mundiais, com tanto de livros publicados) que o imperativo é preservar o sistema bancário. Eu sei, o Leitor pensava que o Bilderberg deste ano fosse a reunião para transformar todos os bancos privados em cooperativas, não é? Mas não, os banqueiros querem preservar as próprias empresas e os próprios ordenados, olhem só...

E agora, preparem-se, pois vem aí a terrível previsão: os potentes da terra não ajudarão a Espanha.
Eu sei, eu sei: acabou de ser decidido o empréstimo de 100 biliões de Euros para bancos espanhóis. Mas Estulin escreveu o relatório pouco antes do resgate, azarado, por isso continuemos a fingir que nada ainda se passou.

A vice-presidente espanhola. Soraya, bem tentou pedir ajuda, sob forma duma série de medidas de apoio, mas a resposta do potente Bilderberg foi terrível: "Vai-te embora!" (mesmo assim segundo o autor).

Madrid será portanto sacrificada no altar da finança. Ámen.
Perguntou um dos delegados da Alemanha:
Porquê salvar-te se a Espanha tem mentido acerca da dívida e dos problemas financeiros? O vosso sistema bancário mete nojo, por acaso vocês têm um património que poderia interessar alguém?
Resposta da sala:
No!
Então conclusão dum dos delegados americanos:
Chegou a altura de carregar no botão do alarme.
Solução? O Bilderberg decidiu: nada de ajudas, a Espanha tem que abandonar o Euro. Que mais parece um prémio de que uma ameaça, mas pronto...
Pergunta: mas qual o sentido em afastar Espanha da Zona Euro? O plano não é construir um inteiro continente dominado pela elite bancária? Afasta-se a Espanha por ter "mentido acerca da dívida e dos problemas financeiros" e salva-se a Grécia?

Bah, não importa: os adeptos do Bilderberg devem considerar estes como pormenores.

Na terceira parte do Relatório Bilderberg, publicado já depois do resgate, Estulin limita-se a copiar um texto inglês, no qual candidamente reconhece que foi concedida uma ajuda aos bancos espanhóis. Porque é assim que funciona: dizer tudo e o contrário de tudo no prazo de poucas horas.

Lindo.
Lindo, lindo, lindo, lindo.

Estulin é uma das mais ouvidas vozes quando o assunto for o Bilderberg. É a mesma pessoa que em 2007 afirmou ter recebido informações da intelligence americana que apontavam para o assassinato de Ron Paul. Uma capacidade de previsão fora do comum.

E até Fidel Castro reflectiu acerca da obra de Estulin, como publicado pela agência de imprensa cubana Prensa Latina. Doutro lado, quando um gajo merece, merece.

Eu, mais uma vez, repito qual a minha ideia, que com certeza está errada: o Bilderberg é apenas a reunião dos mordomos, os que recebem as ordens, sem um verdadeiro poder de decisão. São os piões, os que actuam. Estas reuniões do grupo Bilderberg não são assim um assunto que tenha alguma coisa de especial, é só a ocasião com a qual os donos comunicam as próprias decisões e as atitudes para serem tomadas.
Apontar o Bilderberg como fonte de todos os males significa banalizar a questão, atirar pó para os olhos das pessoas. Os problemas têm origem em outros lugares, em outros nomes, que este blog já apresentou várias vezes.

E não ficaria surpreendido se este Estulin fosse nada mais do que um agente de contra-informação que consegue também juntar uns trocos com a venda dos livros. Porque há a informação, a informação alternativa e a contra-informação, apesar de muitos esquecer isso.

Banaliza-se o assunto, que fica recheado também com meias verdades, de forma que a maioria das pessoas fique afastada deste tipo de informação enquanto a informação alternativa terá algo para escrever ao longo de algumas semanas. O que significa, indirectamente, direccionar as temáticas da informação alternativa no trilho desejado.

E quem não concordar com esta ideias? Tudo bem, continuem a seguir os alvos que o sistema propõe e sejam felizes. Afinal esta também é liberdade.


Ipse dixit.

Fontes: Daniel Estulin, Huffington Post

31 comentários:

  1. Bem Dito Max.
    Os verdadeiros senhores, não aparecem...e quando aparecem, a info é imediatamente censurada.
    Quer dizer...o Rui Mateus que escreveu o " Contos Proibidos " ainda hoje, poucas são as editoras que colocam o livro nos escaparates das livrarias e o Daniel Estólinhas, inundava o mundo com os Livrinhos dele, publicado pelas editoras onde os Poderosos tem a ultima palavra a dizer.
    Os verdadeiros senhortes, são aqueles que a maioria subestima e acha que não têm poder nenhum...pois é exactamente isso que eles querem que se pense.

    Muita gente diz que a Maçonaria é um dos poderes do Mundo, no entanto, todo o cantinho da internet está recheado de "segredos " dos mesmos.
    No entanto pergunto eu, e a Opus Dei, o que sabemos nós? Contabilidade, patrimónios,reuniões, directrizes etc.
    Porque será que a Maçonaria estes ultimos anos tem vindo a ser arrastada pela lama na praça publica?
    A quem interessa isso?

    ResponderEliminar
  2. Anónimo12.6.12

    Nas reuniões não participam só "mordomos"...podem não participar os "patrões" mas participam sem dúvida também os "dirigentes" e os "generais".

    Se Estulin é também um agente ao serviço deles? Boa pergunta.

    O Estulin foi uma vez denunciar os bilderberg numa conferência aberta nas Nações Unidas. Essa estranhei.

    Pormenor interessante: Estulin é um defensor acérrimo da inocência de Carlos Cruz. Não sei o que isto quer dizer.

    Quanto a quem manda nos bilderberg...procurem informação sobre "marquis de libeaux". Mas não se deixem levar por conversas sobre reptilianos...recomendo usarem um motor de busca privado, como o ixquick.

    ResponderEliminar
  3. Eu adorei a Postagem! E realmente você tem razão os líderes do mundo são os chefes da religião baha'i e não estes peões, reunião de peões :D adorei kkk

    ResponderEliminar
  4. Marco12.6.12

    Max, estou de acordo contigo 100%.

    Perfeito!

    ResponderEliminar
  5. Dramatic12.6.12

    Anonimo, o que quer dizer marquis de libeaux? Nunca ouvi falar disso.


    Estou de acordo com o Max também.
    Aliás, proponho aqui que os leitores comecem a catalogar os supostos "chefes", alguém começa? pode ser eu?
    hehehe

    Aí vai meus "chutes":


    - dinastia rothschild
    - dinastia rockefeller
    - dinastia real britânica
    - Bank of America
    - JP Morgan
    - Citigroup
    - Wells Fargo
    - Goldman Sachs
    - Warburg
    - Lazards
    - Israel Moses
    - procter & gamble
    - Fundação Ford
    - FMI
    - ONU
    - KGB
    - CIA

    Não sei bem a ordem correta da pirâmide, nem sei se estou certo quanto a estes grupos.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo12.6.12

    1 - OS VERDADEIROS DIRIGENTES
    Os illuminati:

    Família Rothschild, Conselho dos 13, Conselho dos 33 e Comité dos 300


    A) SOCIEDADES ESOTÉRICAS

    (Skull & Bones, Bohemian Grove,...)


    B) SOCIEDADES SEMI-SECRETAS

    (Clube Bilderberg, Comissão Trilateral, Council for Foreign Relations, Clube de Roma,...)


    2 - ORGANIZAÇÕES GOVERNANTES

    (Todas não-eleitas: ONU, FMI, BCE, FED, Comissão Europeia, OMS, FDA, "Media", ...)


    3 - DIRIGENTES "MARIONETES"

    (Presidentes, chefes de Estados, altos cargos estatais, chefes religiosos,...)


    4 - BRAÇOS ARMADOS

    (Serviços secretos: CIA, NSA, FSB, MI6, Mossad,...; NATO, Forças Armadas, milícias, grupos armados radicais,...)


    5 - OS QUE TENTAM FAZER FUNCIONAR O SISTEMA

    (Altos funcionários, políticos que acreditam nas suas ideologias, investigadores, militares convictos,...)


    6 - OS QUE SE APROVEITAM DO SISTEMA

    (Máfias, traficantes, redes de prostituição, redes de pedofilia,...(a maioria com a protecção dos níveis anteriormente descritos)

    ResponderEliminar
  7. Estou em pleno acordo com o post.


    Sobre os comentários,

    Os Illuminati são um dos tentáculos, e não o cérebro de toda a operação.

    Eles formam uma sociedade secreta,para atuar dentro de outras sociedades, criada pelas famílias dinásticas que governam atrás das cortinhas ha muito tempo, com o objetivo principal de espalhar a ideologia comunista, de um modo em que esta última sirva de antítese ao capitalismo, para, conjuntamente com este, criar a síntese desejada por quem lidera esta conspiração, que é uma mistura de capitalismo com comunismo.

    Também temos a influência da cúpula de cecil rhodes, que desde aquela época, formou intelectuais, políticos e pensadores para atuarem com seu objetivo de moldar uma nova sociedade global.

    ResponderEliminar
  8. Anónimo12.6.12

    Marquis de libeaux significa marquês de Libeaux.

    ResponderEliminar
  9. Anónimo12.6.12

    E do Maurice Strong, já ouviram falar? É o gajo que está por trás da agenda ambiental toda.

    ResponderEliminar
  10. Anónimo12.6.12

    Podem ser só os mordomos, mas não deixa de ser importante saber quem são...

    ResponderEliminar
  11. Dramatic12.6.12

    "Marquis de libeaux significa marquês de Libeaux."

    Continuo sem saber o que é isso ou o que significa. Em que isso nos atinge anonimo?

    Sobre os illuminati, não sei se acredito ou não, visto que ha muitas lendas e exageros envolvendo eles e a maçonaria.

    O que eu lembro é que o plano deles era algo assim:

    Abolição da Monarquia e de todos os governos constituídos;
    Abolição da propriedade privada;
    Abolição da herança;
    Abolição do patriotismo;
    Abolição da família (isto é, do casamento e de toda a moralidade, e a instituição da educação comunal das crianças);
    Abolição de todas as religiões ;

    É isso? Alguém me corrige se algo estiver errado. Também não sei se é verdade.

    ResponderEliminar
  12. Anónimo12.6.12

    As famílias do poder illuminati são 13, com ligações entre si.
    consta que são as linhagens dos:

    Astor
    Bundy
    Collins
    DuPont
    Freeman
    Kennedy
    Li
    Onassis
    Reynolds
    Rockefeller
    Rothschild
    Russell
    Van Duyn

    Eis algumas ramificações/derivações/associações das mesmas:

    Dinastia Merovíngia
    Dinastia Windsor (que são na realidade alemães)
    Warburg
    Hampsburg (?)
    Oppenheimmer (não sei se escrevi bem)
    Bush/Clinton

    O Marquês de Libeaux (não sei se teria alguma ligação à dinastia merovíngia), segundo consta, seria o "chefão" deles todos. Ou então, é desinformação. Mas por favor investiguem. Só não "arrisquem a vida" nisso...

    Também, segundo consta, os Windsor acham-se descendentes de David...eis a a razão de ser o termo "sionismo". Sião era a cidade de David, onde foi sepultado juntamente com os seus descendentes.

    ResponderEliminar
  13. Anónimo12.6.12

    Havia mais objectivos na agenda deles, além de todas essa abolições: havia a criação de uma nova língua (que tentaram com que fosse o esperanto), a criação de um exército mundial, e a redução populacional para menos de 500 milhões de habitantes.

    Há por aqui um post em que o Max diz que deveríamos ser em número ideal aí uns 5 biliões e meio. Espantou-me ver esse post...já havia pensado isso há algum tempo antes.

    ResponderEliminar
  14. Anónimo12.6.12

    Lendas? Abram o site do GOL (grande oriente lusitano) e vejam fotos das Georgia Guidestones e vejam o que lá está escrito. Isto já não é teoria da conspiração (coisa que arrepia o Max, bem sei)...é mesmo confirmação.

    ResponderEliminar
  15. Marcelo12.6.12

    Os 3 esquemas globalistas que governam o mundo:

    - Império Americano
    - Império Russo Chinês
    - Império Islamico


    Não existe apenas 1 poder secreto que controla tudo, isto é muito dificil de acontecer. Existem estes
    3 grupos distintos,que as vezes brigam entre si, outras vezes cooperam. Quando eles brigam, sorte a nossa, pois ficamos sabendo das tretas de um deles. Normalmente vemos mais coisa sobre os EUA, mas tem muita sujeira dos outros grupos também. Eles vem disputando poder ha muitos anos, porem não obtiveram exito e acho que nem vão conseguir se não houver coperação entre eles.


    É de EXTREMA IMPORTÂNCIA que vejam ou escutem este vídeo, para entender uma parte do que acontece:

    http://www.youtube.com/watch?v=NwUAm-vM9Mk



    De modo que por trás destes grupos, temos os metacapitalistas
    com objetivos globalistas liberais e as corporações privadas,
    estatais e governamentais, com suas alianças e objetivos:

    - rothschilds
    - rockefellers
    - George Soros
    - Clube de Roma
    - CFR
    - ONU
    - etc...

    ResponderEliminar
  16. Anónimo12.6.12

    "Eles formam uma sociedade secreta,para atuar dentro de outras sociedades, criada pelas famílias dinásticas que governam atrás das cortinhas ha muito tempo, com o objetivo principal de espalhar a ideologia comunista, de um modo em que esta última sirva de antítese ao capitalismo, para, conjuntamente com este, criar a síntese desejada por quem lidera esta conspiração, que é uma mistura de capitalismo com comunismo."

    Repito o que já foi várias vezes referido neste blog: eles querem influir sobre nós de maneira a afastar-nos dos princípios do novo testamento, que são a grande ameaça ao poder deles. Os primeiros cristãos tornaram-se simultaneamente comunistas, ascéticos, altruístas e pacifistas. Tudo o que hoje parece impossível graças à cultura que a "elite" fez surgir. E (passo a ironia), os primeiros cristãos não precisaram de andar a fazer guerra com ninguém, nem a meter gente em campos de concentração...

    ResponderEliminar
  17. Anónimo12.6.12

    Maçonaria, Opus Dei...sem que muitos membros o saibam, todos trabalham para os mesmos...é a tática da compartimentalização.

    "Muita gente diz que a Maçonaria é um dos poderes do Mundo, no entanto, todo o cantinho da internet está recheado de "segredos " dos mesmos."

    Acho muito bem. Por muitos maçons passarem a saber o que se passa nos graus acima dos deles, é que mandam fora o avental...

    Teorias da conspiração...ai as dores de cabeça e de dentes do Max a voltarem...

    ResponderEliminar
  18. Anónimo12.6.12

    Bem que o Max poderia resumir tudo isso em um post para conseguirmos pelo menos enxergar ou tirar nossa cegueira para com tantos grupos da elite.

    São muitos grupos, muitas conspirações, muita confusão de informações... Isso dificulta em acharmos o alvo.

    ResponderEliminar
  19. Anónimo12.6.12

    Pra quem não acredita nos Illuminati, a história em geral é esta:

    O facto é que essa sociedade secreta existiu, a Ordem dos Illuminati da Baviera foi fundada na noite de 30 de abril a 1 de maio de 1776.


    Para compreender, os Illuminati precisamos voltar então na história, ao dia 1 de maio de 1776, o dia em que Adam Weishaupt, um ex-padre jesuíta, formou seu grupo ocultista, ao qual chamou de Mestres dos Illuminati. Adam Weishaupt fundou o seu novo grupo com base na Ordem Jesuíta, com a qual estava familiarizado. Os Mestres dos Illuminati eram uma verdadeira sociedade secreta, completamente fechada para o mundo exterior. Eles tinham um plano definitivo para derrubar todas as instituições civis e religiosas e os governos, substituindo-os com um novo governo mundial, um sistema que Weishaupt chamou de Nova Ordem Mundial.

    Para alcançar esse plano, Weishaupt compreendia que precisava de um poder quase sobrenatural, para conseguir destruir a Civilização Ocidental, que era religiosamente cristã. Portanto, Weishaupt construiu os Mestres dos Illuminati com uma base ocultista!


    Weishaupt criou um símbolo para sua organização: o Olho que Tudo Vê no alto de uma pirâmide incompleta, dentro de um círculo. No alto do círculo estavam as palavras "Annuit Coeptus", que em latim significa "Anunciando o nascimento de" e na parte inferior do círculo estavam as palavras latinas "Novus Ordo Seclorum", que significa Nova Ordem dos Séculos. Por outras palavras, o símbolo de Weishaupt estava "anunciando o nascimento da Nova Ordem Mundial".


    Esse símbolo parece-lhe familiar, e é, porque aparece no verso da nota americana de um dólar! Na parte inferior da pirâmide encontra-se um número latino, que, quando convertido para o nosso sistema numérico, é 1776. Como o dinheiro norte-americano tem esse símbolo da Nova Ordem Mundial, podemos concluir que esse governo estará comprometido com essa Nova Ordem Mundial desde 1776!


    Weishaupt planeou o derrube de todos os governos e a sua substituição por um sistema global. Ele orientou o seu plano contra os governos da Europa ocidental, que estavam estabelecidos de acordo com os princípios judaico-cristãos. Ele achava que as nações do oriente poderiam ser facilmente incorporadas ao plano porque as religiões delas estavam tão firmemente enraizadas no misticismo quanto sua religião ocultista. Na verdade, à medida que o mundo está se preparando para entrar na Nova Ordem Mundial, vemos uma fusão ocorrendo entre as nações do oriente e os aderentes da Nova Era.

    (continua..)

    ResponderEliminar
  20. Anónimo12.6.12

    (continuando...)

    Weishaupt planeou o derrube de todos os governos e a sua substituição por um sistema global. Ele orientou o seu plano contra os governos da Europa ocidental, que estavam estabelecidos de acordo com os princípios judaico-cristãos. Ele achava que as nações do oriente poderiam ser facilmente incorporadas ao plano porque as religiões delas estavam tão firmemente enraizadas no misticismo quanto sua religião ocultista. Na verdade, à medida que o mundo está se preparando para entrar na Nova Ordem Mundial, vemos uma fusão ocorrendo entre as nações do oriente e os aderentes da Nova Era.


    O problema, para a visão de Weishaupt, era que as nações europeias e o Novo Mundo, que mais tarde se tornariam os Estados Unidos da América, estavam fundamentados no cristianismo. Portanto, ele orientou o seu plano contra elas. Weishaupt via dois inimigos religiosos: o Catolicismo Romano e o movimento protestante que atraia as classes burguesas.


    Aqui está, em resumo, o problema, do ponto de vista de Weishaupt. Ele queria destruir os governos ocidentais, substituindo-os por um novo governo global, chamado Nova Ordem Mundial. Mas como ir do Ponto A ao Ponto B? Como é que alguém, consegue mudar gradualmente todos os aspectos de todas nações ocidentais, movendo-as da liberdade para a escravidão, sem que os cidadãos desses países descubram o plano e forcem seus governos a atacar e destruir o inimigo?


    Em relação os iniciados, você precisa de manter os seus planos em total segredo. Essa é a principal razão pela qual, os Mestres dos Illuminati são uma sociedade secreta. Eles tinham de manter os segredos em relação às pessoas a quem queriam escravizar.


    Weishaupt achava que tinha uma aliada potencialmente forte na sociedade, a chamada Maçonaria. Estabelecidos oficialmente dentro do Mundo Ocidental em 1717, os maçons ensinavam que um dia as atitudes e valores de todos os homens de todas as nações evoluiriam naturalmente, até o ponto em que todas as religiões se fundiriam. Todos os homens compreenderiam então que eram irmãos. E os maçons achavam que liderariam o caminho para essa nova compreensão global. Esse novo sistema global era inevitável e aconteceria natural e pacificamente.


    Weishaupt não acreditava que isso iria ocorrer natural e pacificamente, mas que seria necessário recorrer a uma revolução violenta . Assim, Weishaupt e os seus homens começaram a infiltrar-se nas lojas maçônicas europeias em 1776, e em apenas treze anos, em 1789, já controlavam todas as lojas maçônicas da Europa com a sua visão de mudanças violentas. A tomada das Lojas Maçônicas Americanas não ocorreu até 1830, no entanto, Weishaupt conseguiu conquistar os corações de muitos maçons norte-americanos antes dessa data.

    ResponderEliminar
  21. Anónimo12.6.12

    toca a participar mas é no chat, e no fórum...

    ResponderEliminar
  22. Anónimo12.6.12

    Já estamos em um governo global!
    Mas, indiretamente.

    A ONU está cada vez mais ditando as regras dos países. E estão a usar
    cada vez mais o controle por meio
    do movimento verde e de seus planos para o clima.

    A ONU achou um jeito de implementar seu governo global, e o mundo será gerido por painéis pseudocientíficos em prol do aquecimento global.

    O Canal 4 britânico produziu um documentário devastador intitulado "A Grande Fraude do Aquecimento Global". Ele não foi, ao que parece, exibido por nenhuma das redes de televisão nos EUA. Mas, felizmente, ele está disponível na Internet:

    http://www.youtube.com/watch?v=RDzuXPM1W3k

    ResponderEliminar
  23. Anónimo12.6.12

    Trecho da entrevista dada pelo professor José Carlos Parente de Oliveira ao jornal Diário do Nordeste, de 15 de novembro.

    Ele é Doutor em Física com Pós-doutorado em Física da Atmosfera e ensina na Universidade Federal do Ceará (UFC). Trechos:

    "DN - Por que o senhor caminha na contramão do ambientalmente correto e proclama que o planeta não está aquecendo, mas esfriando?

    A busca da verdade deve ser o norte, o foco da atividade em ciências. E penso que não é isso o que ocorre com o tema aquecimento global. A sociedade está sendo bombardeada por notícias, reportagens na tevê, filmes e tudo isso com a mensagem de que as atividades humanas relacionadas às queimas de combustível fóssil (petróleo, carvão e gás) são as culpadas pelo aquecimento da Terra. O grande responsável por esse bombardeio é o Painel Intergovernamental sobre as Mudanças Climáticas (IPCC na sigla em inglês), que é um órgão da ONU.

    DN - Então, em vez de estar aquecendo, a Terra está esfriando agora? Mas isso é o contrário do que proclamam as ONGs, os cientistas, os jornais. Quem está errado?

    No ano de 1998, houve um fenômeno atípico: um super El Niño aqueceu a terra quase um grau acima da média em que ela se encontrava. Desde esse fenômeno do El Niño, a temperatura da Terra, sistematicamente, vem diminuindo, conforme os dados coligidos pelos satélites. Esses dados, porém, não são aceitos e nem utilizados pelo IPCC nos seus documentos".

    ResponderEliminar
  24. Anónimo12.6.12

    Talvez, se refletirmos, agora com mais calma, talvez não haja nenhum plano maligno de globalistas; talvez sejam apenas grupos diversos com interesses diferentes que se digladiam, e outros eventos apenas fazem parte de fenômenos sociais incontroláveis. Que bobagem essa história de "Clube Bilderberg!" É apenas a nossa mente que imagina uma ordem secreta nesse caos. Sim, é isso. Suspiramos aliviados, afrouxamos o nó da gravata e pegamos o nosso uisquinho, e acendemos a televisão pra relaxar.

    Mas eis que então, no telejornal, vemos novamente imagens incompreensíveis: Obama curvando-se ao rei saudita... Obama recebendo o Prêmio Nobel da Paz após meros onze dias no poder... Hillary Clinton dizendo que os latino-americanos devem pagar mais impostos e elogiando a carga tributária do Brasil... Radicais islâmicos obtendo cátedras de professor em Harvard... O arcebispo inglês defendendo a sha'ria... O homossexualismo sendo promovido nas escolas para crianças de nove anos... O jamais comprovado "aquecimento global" sendo utilizado como desculpa para criar leis cada vez mais restritivas... O Secretário de Defesa de Obama proibindo o uso da palavra "terrorismo" ou "jihad"... Todos falando em "comunidade internacional", "leis internacionais", como se fossem a coisa mais normal do mundo... E novamente nos bate o desespero:

    Estariam mesmo os globalistas por trás de tudo isso?

    hum.......
    algo não cheira bem

    ResponderEliminar
  25. Marcelo12.6.12

    O "governo mundial". Trata-se, no fundo, e em síntese, de uma elite "tecnocrática" que, ancorada em certas fundações bilionárias, quer desenhar o futuro da humanidade a partir de uma religião laica e do "progresso" administrado para todos, abstraindo-se da história, das culturas locais, das tradições morais e religiosas (especialmente o Cristianismo), da filosofia perene (direito natural clássico, etc.) e da realidade profunda do Estado-nação.

    Em que consiste o projeto de uma nova religião universal? Consiste na tentativa de “dar uma resposta única e universal a todas as questões que possam ser propostas pelos seres humanos, em qualquer situação em que se encontrem e onde quer que estejam. Para tanto, é necessário, como é lógico, colonizar a inteligência e o espírito de todos e de cada um dos habitantes do planeta”, especificamente através de um “credo religioso”, de todo oposto ao cristianismo (“a ética judaico-cristã não poderá ser aplicada no futuro”, afirmou Hiroshi Nakajima, ex-diretor geral da OMS).

    No Brasil não só entre o povão, mas na quase totalidade da elite ainda há quem ria da idéia de "governo mundial", acreditando piamente que é uma lenda criada por "teóricos da conspiração". Hipnotizado pela lisonja interesseira dos banqueiros internacionais.

    o Brasil cada vez mais se imagina o umbigo do mundo, quando na verdade só participa da história mundial como vítima periférica e sonsa de forças que não compreende e aliás nem mesmo enxerga.

    ResponderEliminar
  26. Anónimo13.6.12

    A Internacional Reformista com partidos de extrema direita,
    No tempo em que o Expresso ainda dava notícias sobre o assunto:

    http://2.bp.blogspot.com/-wLk3YCnDqq0/T9d8kBnALuI/AAAAAAAAD7Y/PyaGa9QGBUk/s1600/Bilderberg1.JPG

    Quanto ao agora ser vulgarizado e banalizado, agradeçam ao meio da internet, não esquecendo que um número residual se interessa por estes assuntos, o que não lhes faz mossa.

    ResponderEliminar
  27. Anónimo13.6.12

    Há quem pense que o "secreto" deixou de o ser, quando na realidade os esforços vão no sentido oposto.
    Que chatice ter aparecido um Estulin. Não são jornalistas de investigação, não é?... mas "sabem-na toda"! Impressionante...

    FC

    ResponderEliminar
  28. FC,

    Deve ser porque os jornalistas investigativos, de que eles tanto zombam, lhes fizeram a "papinha" toda, para que os meninos chegassem a tantas conclusões "acertadas"!

    ResponderEliminar
  29. Anónimo14.6.12

    Acabei de descobrir que o Reitor da minha Universidade é um ricaço masson.

    Fico imaginando até onde a massonaria atua, além da religião, da política, da cultura e dos tribunais.

    Eu desconfio da massonaria por motivos obvios. Uma das suas principais filosofias é a "ordem a partir do caos". O Deus deles não é o mesmo Deus do cristianismo. É Baphomet, o arquiteto. Outras coisas muito estranhas rondam a massonaria, por exemplo, os ritos e graus que precisam ser seguidos com rituais estranhos e inquestionáveis, sempre obedecendo um mestre de grau mais alto e que sabe segredos que você ainda não sabe, até subir de grau. Outra coisa, tudo que é secreto deve provocar desconfiança, logo, a massonaria sendo uma sociedade secreta, ou semi-secreta provoca isso. Tudo isso somado a vasta simbologia esotérica (condenada pela bíblia e pelos cristãos antigos).

    O StreetWarrior deve saber muito mais coisa, por conta das informações que tem em seus blogs.

    ResponderEliminar
  30. Dramatic14.6.12

    Este gráfico mostra a conexão do grupo Bilderberg no mundo

    http://www.businessinsider.com/this-chart-shows-the-bilderberg-groups-connection-to-everything-in-the-world-2012-6#ixzz1xnbf1eVO

    ResponderEliminar
  31. Anónimo14.6.12

    Pois... quero ser um mordomo desses, Dramatic...

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...