24 agosto 2012

Quiz Show: Espanha!

Eis um interessante quiz para todos os leitores, grandes e pequenos.

Então é assim: sabemos que a Espanha está em crise, certo?

Sabemos também que os problemas da Espanha estão ligados à dívida pública: muita dívida, demasiada dívida, o Estado já não consegue fazer nada.

Um típico caso de País que viveu acima das possibilidades e que agora tem que sofrer para ficar melhor depois.

Estando assim as coisas:
  • tente o Leitor descobrir qual o valor da dívida pública espanhola (em % do Produto Interno bruto)
  • compare o mesmo valor com aquele de: Estados Unidos, Bélgica, Reino Unido, França, Canada, Alemanha, israel, Áustria, Holanda.
Prémios:
Não há, é tempo de crise, temos que sofrer agora para ficar melhor depois. No máximo o Leitor está autorizado a ir até o supermercado para comprar um litro de leite de cabra, que pode sempre dar jeito.


Ipse dixit. 

8 comentários:

  1. Rita M.24.8.12

    Ora bolas, Max,

    Passo aqui de fugida e com pouco tempo e tem quiz!
    :)

    Lá terei de ver este post e o anterior mais logo.

    Já agora estamos em crise ou depressão?

    Também seria interessante ver quais os valores da dívida externa e comparar os dois.

    Do que já andei a ver começo a perceber que quando a bolha rebentar talvez se safem melhor os países que menos se esperaria...

    Mas é sempre assim... as aparências iludem!

    Isto de bolhas... só me lembra sapatos... há muito que devíamos ter trocado os sapatos que andamos a usar.

    Abraço
    Rita M.

    ResponderEliminar
  2. Anónimo24.8.12

    Max,

    O problema não é divida pública espanhola 70% do PIB, inferior à de todos os outros países que referiste e que não estão em "crise"(excepção dos EUA que não está em crise de dívida pelas razões conhecidas e outras que desconhecemos...).

    O problema espanhol, na verdade são dois problemas:

    - Os detentores da dívida pública são Bancos, ao contrário do Japão que tem 223% de dívida, mas maioritariamente detida pelos particulares e paga juros de 0.95% a 10 anos...

    - A dívida dos particulares é de 197% (leram bem, cento e noventa e sete )do PIB.

    E quando assim é os "mercados"=bancos não perdoam...

    Um abraço

    Zarco

    ResponderEliminar
  3. Fogo, dois comentários e já chegou uma resposta mais do que correcta?

    Exacto Zarco, e este será o tema do próximo post. São os bancos que detêm a dívida pública espanhola; e o sector bancário espanhol está em crise profunda.

    Lógico que os investidores estrangeiros fiquem no mínimo desconfiados...

    Abraço para todos!!!

    ResponderEliminar
  4. Rita M.24.8.12

    Claro que depois há o chegar aqui e já ter a resposta. :)

    Abraço
    Rita M.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo25.8.12

    Aos espanhóis é-lhes bem feita, que é para perderem a mania da superioridade que os caracteriza, esses racistas e xenofobos e anti-Portugueses.

    Gozavam conosco, e agora estão pior.

    Se tenho pena deles?

    Nem um bocadinho.

    ResponderEliminar
  6. maria25.8.12

    Olá Anônimo: vamos pensar juntos se não é a guerra dos pobres que nos enfraquece!
    Os espanhóis são atrevidos? São (para mim o pior defeito deles é gostar de touradas). Nós brasileiros também temos uma raiva danada quando eles nos detém em Barajas, quando dizem que exportamos putinhas (o que não deixa de ser verdade)e importamos técnicos espanhóis (infelizmente importamos também o Santander, as telefônicas, e ainda as financiamos para nos roubar)
    Mas os portugueses também são paradões, rotineiros, ensimesmados e detestam (com toda razão) as piadas de mau gosto dos brasileiros sobre a malta.
    E os brasileiros então? São metidos, bobalhões e cafonas (só eu não sou assim, ainda que brasileira!!)
    ii sabe de sobra que eu mesma tenho ojeriza da sociedade norte americana, mas euzinha cheguei a me casar com um espécime daquela sociedade, (sem dizer que tenha sido a melhor iniciativa que tomei...)e reconheço que no meio da m.... também florescem lírios.
    Não seria melhor para nós mesmos dirigir a nossa raiva para quem exerce de fato poder de domínio sobre nós todos? Abraços

    ResponderEliminar
  7. Anónimo26.8.12

    Maria.

    Nada tenho contra os Brasileiros, para mim o Brasil é um pais irmão, a Espanha quando não é inimigo é alguem em quem não se pode confiar.

    900 anos de história e mais de 20 invasões deixam as suas marcas.

    Esta gente aqui do lado é arrogante e mal educada, e sofrem de um complexo de superioridade em relação aos Portugueses.

    Isto são ainda resquicios de Franco, esse nazi sanguinário, que dizia aos espanhóis, ou melhor aos castelhanos, porque os Catalãoes Bascos e Galegos não lhe ligavam, nem são o mesmo povo, são de outra estipe de gente, e o Franco dizia-lhes que Portugal era um pais pobre, atrasado e de gente inferior, onde os homens só sabiam comer bacalhau e tocar concertina, e as mulheres tinham bigode.

    Era este o retrato de Portugal passado pela máquina propagandista do Franco sobre Portugal.

    Eu como Portugues é com enorme satisfação que vejo o Brasil tornar-se uma potencia económica e demográfica, porque territorial já o é por legado dos Portugueses.

    E nisto os Brasileiros tem que agradecer so Portugueses, por alturas do frito do Ipiranga seria facil para Portugal dividir o brasil, visto que os Nordeste foicou todo do lado de Portugal.

    Felizmente e bem os Portugueses não entaram por ai, não dividiram para reinar como fizeram os castelhanos na parte deles das americas em que criaram vários apises.

    Nós em vez de vários deixamos um colosso na america do sul.

    E não duvido que será essa semente deixada pelos Portugueses nas américas que nos vão salvar do colpaso.

    Não duvido nada.

    Mais, prefiro que Portugal se federalize com o Brasil, do que com Bruxelas.

    Da europa para Portugal só vieram invasões armadas no passado, e agora invasões económicas e divida, mais nada.

    Sou totalmente contra União europeia, e defendo a saida de Portugal deste colete de forças, e que Portugal se vire de novo para o mar ou seja, para os PALOP e para o Brasil.

    O Brasil tem tudo o que é necessário para ser uma potencia global, já é a nivel regional, para ser a nivel global só precisa de umas forças armadas pujantes.

    Despeço-me com amizade desde Portugal.

    ResponderEliminar
  8. maria26.8.12

    Olá Anonimo: obrigada por responder.
    Tu me das uma ideia de como um português se coloca diante das relações geopolíticas enquanto colonizador histórico (do Brasil) e enquanto neo-colonizado (do resto da Europa). Posição esta que não é a primeira vez que ouço (ou leio)partindo de conterrâneos teus, sem necessariamente concordar com ela por inteiro. Inclusive sorria, tentando alcançar o sentido daquilo, quando em Portugal algumas pessoas me diziam: "Vou para a Europa...", quando estavam indo para a França. Abraços

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...