17 outubro 2013

Cronologia da Nova Ordem Mundial - Parte III: 1951 - 2013

Terceira e última parte da Cronologia.
Boa leitura.

Cronologia da Nova Ordem Mundial
1951 - 2013

1952
A World Association of Parliamentarians for World Government ("Associação Mundial de Parlamentares para o Governo Mundial") prepara um mapa projectado para ilustrar como as tropas teriam ocupado e controlado as seis regiões dos Estados Unidos e do Canadá se estes forem divididos, como parte do plano para um Governo Mundial.

1954
O príncipe Bernhard dos Países Baixos (1911-2004) cria o Club Bilderberg: estadistas e banqueiros internacionais que se reúnem secretamente com base anual .

1961
O documento n º 7277, publicado pelo Departamento de Estado dos Estados Unidos, intitulado Freedom From War: The U.S. Program for General and Complete Disarmament in a Peaceful World ("Liberdade da Guerra: o Programa Norte-Americano de Desarmamento Geral e Completo num Mundo Pacificado"), descreve um plano de três fases para desarmar todas as nações e armar as Nações Unidas, com vista para a fase final na qual é afirmado:
Nenhum estado teria o poder militar para desafiar a Força de Paz progressivamente fortalecida das Nações Unidas.
1966
O Professor Carroll Quigley (1910-1977), mentor de Bill Clinton na Universidade de Georgetown, é o autor de um volume intitulado Tragedy and Hope: A History of the World in Our Time ( "Tragédia e Esperança: a História do Mundo no Nosso Tempo"), no qual afirma:
Existe e tem existido há uma geração uma rede internacional que opera, em certa medida, da mesma forma radical como os comunistas actuam. De facto, essa rede, que podemos identificar com o nome de Round Table ("Mesa Redonda"), não tem nenhum problema em trabalhar com os comunistas, ou com outros grupos, e muitas vezes se comporta da mesma maneira. Eu conheço as actividades desta rede, pois estudo-a há 20 anos e tive a permissão, ao longo de dois anos no início da década dos anos '60, de examinar os seus documentos secretos. Não tenho adversão para esta rede e para a maioria dos seus propósitos, e tenho sido, durante muitos anos da minha vida, ao lado deles e de muitos dos seus instrumentos. Tinha algumas reservas, tanto no passado e recentemente, em algumas das suas políticas, mas, em geral, a minha principal divergência de opinião é o facto dela desejar permanecer em segredo, enquanto eu acredito que o seu papel na história é significativo o suficiente para merecer ser conhecido.
1972 (l de Abril)
No seu ponto chave enviado para a Association for Childhood Education International ("Associação Internacional para a Educação da Infância"), Chester M. Pierce, Professor da Educação e Psiquiatria da Faculdade de Medicina da Universidade de Harvard, afirma:
Todas as crianças americanas que entrarem nas escolas com cinco anos de idade são alienados, porque vêm para a escola ainda ligados ao ideal de pátria, aos seus pais e à crença num ser sobrenatural. Toca a vocês, queridos professores, certifique-se de que todas estas crianças doentes sejam as crianças internacionais do futuro.
1973 (l de Julho)
O banqueiro internacional judeu, membro fiel do Council on Foreign Relations, David Rockefeller, funda uma nova organização chamada Trilateral Commission ("Comissão Trilateral"), cujo objectivo oficial é "harmonizar as relações políticas, económicas, sociais e culturais entre as três maiores regiões económicas do mundo" (daí o adjectivo "Trilateral"). Convida o futuro presidente Jimmy Carter a tornar-se um dos membros fundadores. Zbigniew Brzezinski é o primeiro director da organização.

De acordo com a organização, as três principais regiões económicas do mundo são: Europa, América do Norte e Extremo Oriente (Japão, Coreia do Sul, Taiwan). Se, sob o pretexto de unir forças para ser capazes de lidar com a concorrência económica das outras duas regiões económicas os países membros de cada uma destas três regiões decidirem unir-se num um único país (formando três super- estados), o governo mundial ficará muito mais perto.

Na Europa é criada a União Europeia, enquanto na área da América do Norte, a fusão dos países está em andamento com a passagem para o livre comércio entre o Canadá, os EUA, e depois com o México.
Supõe-se que, no futuro, este acordo de livre comércio também irá incluir todos os países da América Central e do Sul, com uma moeda única para todos.
Em Madrid, no dia 6 de Maio de 2002, o presidente do México, Vicente Fox, afirma:
Finalmente, o nosso objectivo de longo prazo é estabelecer com os Estados Unidos, mas também com o Canadá, nosso outro parceiro regional, um conjunto de ligações e instituições similares aos criados pela União Europeia.
1973
O Clube de Roma , uma organização que trabalha para a ONU, publica um relatório intitulado Regionalized and Adaptive Model of the Global World System ("Modelo Regional e Adaptável dum Sistema Global Mundial"). Este relatório divide o mundo em dez regiões. 

1979
A Federal Emergency Management Agency ("Agência Federal de Gestão da Emergência", FEMA) são conferidos enormes poderes. No caso de "emergência nacional", tem o poder de suspender as leis, deslocar populações inteiras, prender e deter cidadãos sem mandado e mantê-los na prisão sem julgamento. Pode apreender bens, alimentos, sistemas de transporte, pode suspender a Constituição. Não só é a entidade mais poderosa dos Estados Unidos, mas nem foi criada com uma lei constitucional promulgada pelo Congresso. A FEMA foi criado por um decreto presidencial.
Eis algumas ordens executivas que permitem à FEMA suspender a Constituição e a Carta de Direitos (bastando, para isso, uma ordem executiva do Presidente dos EUA):
  • N º 10.995: Direito de explorar todos os meios de comunicação nos Estados Unidos;
  • N º 10.997: Direito de explorar todas as formas de energia eléctrica , combustíveis e minerais, públicos e privados;
  • N º 10.999: Direito de explorar todos os meios de transporte, incluindo veículos pessoais de qualquer tipo, e controle total de todas as estradas, portos e cursos de água;
  • N º 11.000: Direito de prender qualquer indivíduo e dividir qualquer família para criar uma força de trabalho que pode ser transferida para qualquer lugar considerado necessário pelo Governo;
  • N º 11.001: Direito de explorar qualquer unidade de saúde ou de educação, e cada instituição com uma finalidade social, público e privado;
  • N º 11.003: Direito de explorar todo o espaço aéreo, aeroportos e meios aéreos;
  • N º 11.004: Direito de explorar qualquer actividade de construção e assistência financeira para estabelecer "áreas designadas para a transferência", e forçar a população a abandonar as áreas classificadas como "perigosas";
  • N º 11.005: Direito de explorar todas as ferrovias, vias navegáveis ​​interiores e todos os edifícios utilizados para o armazenamento, públicos e privados;
  • N º 11.921: São autorizados planos para estabelecer o controle dos salários, do crédito e do fluxo de dinheiro em bancos norte-americanos.
1991 (29 de Janeiro)
O presidente George Bush (o pai) fala em termos positivos da Nova Ordem Mundial durante uma mensagem à nação:
Não é apenas uma pequena nação, mas uma grande ideia: a Nova Ordem Mundial, em que nações diferente uma das outras unem-se num esforço comum para alcançar o objectivo universal da humanidade: a paz e a segurança, a liberdade e o estado de direito [ ... ], para alcançar as aspirações universais da humanidade [ ... ], com base em princípios comuns e na lei [...]. A iluminação de mil pontos de luz [ ... ]. Agora o vento de mudança está entre nós.
Note-se que a teosofista Alice Bailey (880-1949) usou o termo "pontos de luz" para descrever o processo intelectual de iluminação oculta.

1991 (l de Junho)
Os líderes mundiais encontram-se para uma nova reunião a portas fechadas do Clube Bilderberg em Baden Baden, na Alemanha. Na ocasião, David Rockefeller afirma:
Nós somos gratos ao Washington Post, ao New York Times e a outras publicações cujos directores têm participado nos nossos encontros e cumpriram as suas promessas de discrição durante quase quarenta anos. Teria sido impossível para nós desenvolver o nosso plano se tivéssemos sido sob os holofotes durante esses anos. Mas o mundo agora está mais sofisticado e preparado para marchar rumo a um governo mundial. A autoridade e a soberania de uma elite intelectual de banqueiros internacionais é certamente preferível à autodeterminação nacional praticada nos séculos passados.
1991 (29 de Outubro)
David Funderburk, ex- embaixador dos EUA na Roménia, afirma durante uma palestra pública na Carolina do Norte:
George Bush está rodeado por pessoas que acreditam num Governo Mundial. Acreditam que o sistema soviético e o sistema americano são convergentes.
1992 (21 de Maio)
Num discurso para a reunião do Clube Bilderberg em Evian, França, o ex-secretário de Estado Henry Kissinger declara:
Hoje, os americanos ficariam indignados se tropas da ONU entrassem em Los Angeles para restaurar a ordem, mas amanhã estariam muito grato! Isto é especialmente verdadeiro se forem informados acerca duma ameaça externa, real ou fictícia, que põe em risco a nossa própria existência. Depois disso, todos os povos do planeta iriam suplicar os líderes mundiais para livrá-los deste mal. A única coisa que o homem realmente teme é o desconhecido. Perante este cenário, os direitos individuais serão voluntariamente suprimidos desde que a garantia de ordem e da paz seja dada por um governo mundial.
1992 (20 de Julho)
A revista Time publica um artigo intitulado The Birth of the Global Nation ("O Nascimento da Nação Global"), de Strobe Talbott, companheiro de quarto de Bill Clinton na Universidade de Oxford, director do Council on Foreign Relations e membro da Comissão Trilateral. No artigo escreve:
A nação, como a conhecemos, vai tornar-se obsoleta, todos os estados reconhecerão uma única autoridade global [ ... ]. Todos os países são, basicamente, convenções sociais [ ... ]. Nenhuma destas coisas, que para muitos podem parecer permanentes ou até mesmo sagradas, permanecerão: de facto, essas instituições são totalmente artificiais e temporárias [ ... ]. Afinal das contas, a soberania nacional não era uma grande ideia [ ... ]. Mas é claro que os acontecimentos no nosso século, maravilhoso e terrível ao mesmo tempo, necessariamente vão na direcção de um governo mundial.
1993
Um segundo Parlamento Mundial das Religiões é realizado em Chicago, em ocasião do 100 º aniversário do primeiro Congresso. Como durante a reunião anterior, a tentativa é de reunir todas as religiões do mundo numa "coisa harmoniosa", mas também tentar uni-las através dos elementos originais das suas crenças comuns. As religiões monoteístas tradicionais, como o Cristianismo, são considerados incompatíveis com a iluminação individual, e devem, então, ser drasticamente alteradas.

1993 (18 de Julho)
O membro do Council on Foreign Relations e da Comissão Trilateral (e judeu) Henry Kissinger escreve no Los Angeles Times sobre o Acordo de Livre Comércio da América do Norte:
O que o Congresso terá de ratificar não é um simples acordo comercial mas a arquitectura de um novo sistema internacional [ ... ], um primeiro passo em direcção a uma nova ordem mundial.
1994
No Human Development Report ("Relatório de Desenvolvimento Humano") publicado pelo Programa de Desenvolvimento da ONU, há uma secção chamada Global Governance for the 21st Century ("Governança Global para o Século 21"). O administrador deste programa é nomeado por Bill Clinton: o nome é James Gustave Speth. Na abertura, o relatório afirma:
Os problemas da humanidade não podem mais ser resolvidos pelos governos nacionais. O que nós precisamos é de um Governo Mundial. Este pode ser alcançado através do reforço do sistema das Nações Unidas.
1994 (3 de Maio)
O presidente Bill Clinton assina a Directiva Presidencial n º 25, e, em seguida, é classificada como top secret para que os Americanos não possam conhecer o seu conteúdo.

1994 (23 de Setembro)
Os globalistas percebem que um número crescente de pessoas começam a tomar consciência do que está a acontecer, eles têm um tempo limitado para melhorar as suas políticas. Falando no jantar dos embaixadores das Nações Unidas, David Rockefeller afirma:
Esta janela de oportunidade, durante a qual é susceptível de ser construída uma ordem mundial verdadeiramente pacífica e interdependente, vai ficar aberta por um longo tempo [ ... ]. Estamos à beira de uma transformação global. Tudo o que precisamos é crises e as nações aceitarão a Nova Ordem Mundial.
1995 (l de Março)
Os delegados da ONU reúnem-se em Copenhaga, na Dinamarca, para discutir os vários métodos para impor impostos globais aos habitantes do mundo.

1995 (l de Setembro)
Popular Science descreve a instalação top secret da Marinha dos EUA chamada HAARP (High-Frequency Active Auroral Research Program, "Programa de Pesquisa da Aurora Activa de Alta Frequência"), no Estado do Alaska. Este projecto é capaz de emitir uma radiação energética poderosa na atmosfera superior da Terra. Um dos objectivos do programa é desenvolver a capacidade de manipular o clima a nível local, utilizando as técnicas desenvolvidas por Bernard Eastlund.

1995 (27 de Setembro)
Tem lugar em San Francisco o Fórum Mundial, promovido pela Fundação Gorbachev. O presidente da fundação, Jim Garrison, conduz o encontro que reúne grandes personalidades de todo o mundo, incluindo Margaret Thatcher, Maurice Strong, George Bush, Mikhail Gorbachev e outros. A conversa centra-se na unicidade da humanidade e o futuro do governo global. No entanto, o termo "governo global" é usado em vez de "Nova Ordem Mundial", uma vez que este último tornou-se um peso político, uma palavra que coloca em alerta os adversários do governo global.

1996
A ONU publica um relatório intitulado Our Global Neighborhood ("A Nossa Vizinhança Global"), de 420 páginas. Nele esboça um plano para a "Governação Global", na qual é pedida uma Conferência Internacional sobre a Governação Global, em 1998, com a finalidade de apresentar ao mundo os tratados e os acordos que devem ser homologados até o ano de 2000.

2003
O mundo está à beira de outra guerra mundial e o "estado de emergência" é invocado pelos globalistas para impor a lei marcial e talvez até mesmo a implementação dum microchip sob a pele.

2013
Informação Incorrecta publica a Cronologia da Nova Ordem Mundial


Ipse dixit.

Relacionados:
Fontes:
American Opinion Publishing: The Creature from Jekyll Island
J. P. Baratta: The Politics of World Federation - From World Federalism to Global Governance

7 comentários:

  1. anónimo 5617.10.13

    É um "desenho" interessante, que merece a atenção de quem gosta de saber onde, com quem, como funciona, está organizado e quem manipula, este enorme manicómio em que cada vez mais esta humanidade se transforma .

    Não terá um valor absoluto, longe disso.

    É comum estes documentos estarem estrategicamente deturpados para desacreditar "algo" verdadeiro que neles se encontra.

    Há muita especulação aí, mas também informações concretas muito interessantes que é sempre útil conhecer, e um esboço que pode fazer sentido.

    Mas há que tomá-lo com muita cautela.

    “Eis que eu vos envio como ovelhas para o meio de lobos; sede, portanto, prudentes como as serpentes e símples como as pombas” (Mateus 10:16).

    ResponderEliminar
  2. Anónimo17.10.13

    Para quem acredita ou não no Pai Natal, aconselho a procurar o simbolo que está por cima da porta na sala dourada do Kre mlin em moscou

    ResponderEliminar
  3. anónimo 5617.10.13

    Lendo com mais atenção, vejo que o meu anterior comentário foi feito a partir de uma análise um pouco superficial.

    Salvaguardando o tal caso da S.T da Sra.Blavatsky e pouco mais.

    Parece-me uma cronologia muito bem concebida.


    ResponderEliminar
  4. Ricardo17.10.13

    Maçonaria e Lúcifer:

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Fraude_de_Taxil

    ResponderEliminar
  5. (JB.13.34) - NOVO MANDAMENTO VOS DOU:QUE VOS AMEIS UNS AOS OUTROS COMO EU VOS AMEI: (IS.1.19) – SE QUISERDES E ME OUVIRDES, COMEREIS O MELHOR DESTA TERRA;(GL.5.15) – SE VÓS, PORÉM, VOS MORDEIS E DEVORAIS UNS AOS OUTROS, VEDE QUE NÃO SEJAM MUTUAMENTE DESTRUIDOS; (JR.44.23) – COMO HOJE SE VÊ:
    Na verdade, a violência que ceifa vidas inocentes na SIRIA, á exemplo do resto do mundo; decorre da indiferença humana para a Santa Advertência resumida no conteúdo da seguinte parábola bíblica:

    (Am.) - AMÓS: AMEAÇAS CONTRA DIVERSAS NAÇÕES.
    (São 31 letras e 4 sinais evidenciando que):
    MÁS AÇÕES NO SER: A TRAÇA COME NAS VIDAS.

    (MC.21.33) – Atentai noutra parábola:

    (JR) – JEREMIAS: A VOCAÇÃO DE JEREMIAS.
    (São 26 letras e 3 sinais que confirmam isto):
    CRIEI A AÇÃO DO SER: VEJAM E SEJAM.

    (PV.25.2) – A GLÓRIA DE DEUS É ENCOBRIR AS COUAS, MAS A GLÒRIA DOS REIS É ESQUADRINHA-LAS: (RM.10.19) – PORVENTURA NÃO TERÁ ISSO CHEGADO AO CONHECIMENTO DE ISRAEL? (SL.73.1) – COM EFEITO, DEUS È BOM PARA COM ISRAEL, , PARA COM OS DE CORAÇÃO LIMPO; (EC.3.25) - PORQUE MUITAS COUSAS EM GRANDE NÚMERO TEM SIDO PATENTEADAS QUE EXCEDEM O ENTENDIMENTO DOS HOMENS: (2JB.1.6) – E O AMOR É ESTE, COMO OUVISTES DESDE O PRINCIPIO: É QUE ANDEIS NESSE ANOR: (TG.3.18) – ORA, É EM PAZ QUE SE SEMEIA O FRUTO DA JUSTIÇA, PARA OS QUE PROMOVEM A PAZ.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo3.5.14

    Em 2023 nada do previsto se realiza e fica tudo por isso mesmo para quem escreveu o artigo. Para os leitores, não fica tudo por isso mesmo. Os que acreditaram nas esquizofrenices desse artigo se deram muito mal, ficando paranóicos com essa mentirada toda!

    ResponderEliminar
  7. Anónimo3.5.14

    Em 2023, com um pouco de sorte, os paranóicos criados por este artigo já terão descoberto o artigo do dia seguinte publicado neste blog e sobre esta cronologia em três partes.

    Eu como até sigo o blog com regularidade, já o li o artigo do dia seguinte, pelo que por estes lados a paranóia não será despoletada por este artigo.

    É sempre positivo ver a preocupação com a saúde mental do próximo e com os níveis da capacidade de discernimento do mesmo.

    Para acelerar um pouco a sorte, deixo o link do artigo do dia seguinte para ajudar outros leitores que possam ter sido vítimas de paranóia despoletada por este artigo.

    http://informacaoincorrecta.blogspot.pt/2013/10/noca-ordem-mundial-as-duvidas.html

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...