18 novembro 2013

Grécia: entre nazis e ovelhas


Image Hosted by ImageShack.usNo início de Novembro, dois membros de Alba Dourada, organização da Direita grega, foram mortos perto da sede do partido, em Atenas.

Uma verdadeira execução no centro da cidade, onde as vítimas, de 20 e 23 anos, foram acabadas com golpe de mitra Zastava: isso enquanto um carro de apoio ao grupo de fogo esperava perto da cena.

Agora, passadas mais de duas semanas, chega a reivindicação. Um telefonema para permitir encontrar um envelope com uma pendrive, onde está gravado um documento: "Assumpção da responsabilidade pela execução dos neo-nazistas". A assinatura é das Μαχόμενες Λαϊκές Επαναστατικές Δυνάμεις, Forças Populares Revolucionárias Combatentes, e o duplo homicídio, obviamente, teria sido uma "retaliação pelo assassinato de Pavlos Fyssas".

Nunca alguém tinha ouvido falar das Forças Populares Revolucionárias Combatentes.
Mas há mais dúvidas.

  • Na Grécia, o terrorismo de Esquerda nunca atingiu sem apontar de forma muito precisa, em contraste com o terrorismo de Direita que sempre escolheu objectivos de forma aleatória.
  • A anunciada guerrilha de rua das Forças Populares Revolucionárias Combatentes pressupõe actos sistemáticos de terrorismo, ocupação de centros do inimigo, sequestro de reféns , atentados, assaltos a bancos, etc. Onde estava estas guerrilha revolucionária durante os últimos 3 anos e meio? Como foi financiada?
  • Normalmente, uma organização terrorista tem a reivindicação pronto antes de atingir. Este demoraram quase três semanas. Problemas com o teclado? Ou foi esperado o clima "é-obra-da-Esquerda", tão publicitado pela polícia e pelos canais privados?
  • Porque a reivindicação foi feita encontrar na véspera da grande manifestação que é o aniversário dos protestos estudantis contra a ditadura de 1973 na Politécnica de Atenas e do massacre que se seguiu?
  • Porque neste "manifesto" as Forças Populares Revolucionárias Combatentes não mencionam as actuais necessidade da sociedade grega: médicos, hospitais, taxas e impostos, funcionários públicos, universidades?
  • Porque as Forças Populares Revolucionárias Combatentes escolheram um site internet sensacionalista para divulgar o próprio "manifesto" e não um órgão de informação um pouco mais "sério"?
  • Como fez a policia a definir o texto como "genuíno" na mesma tarde em que foi encontrado? Com base em quê?
A pergunta mais importante? Esta:
  • O que aconteceu com a irmã grega de Gladio, a "Red Sheepskin" (Pele da Ovelha Vermelha), ramo da Operação EUA Stay Behind, activa desde 1950, "descoberta" em 1984 e a seguir desaparecida e ré-descoberta várias vezes até três anos atrás?
Porque a impressão é que a Pele da Ovelha Vermelha e as Forças Populares Revolucionárias Combatentes morem muito perto...

Enquanto isso, a grande maioria dos comentários em diversos sites e diários da Grécia indica de forma inequívoca que as pessoas não caíram na armadilha. O jogo já é velho, agora as cartas estão descobertas.


Ipse dixit.

Fontes: ComeDonChisciotte, Zougla

2 comentários:

  1. Anónimo18.11.13

    Aqui no Brasil uma revista descobriu "anarquistas black bloc" ligados à igraja católica, já não duvido mais nada do poder da imprensa.

    ResponderEliminar
  2. Em jovem somos tentados a embarcar em teoriasque de fachada parecem duma grande justiça(lembro-me do inicio da cientologia em Lisboa)e enveredarem por atitudes que anos mais tarde pretendem esquecer(presos da ETA). Devemos ser muito cautelosos e nunca enveredar em violencias; acabam por gerar mais violencia e miséria =veja-se o que tem custado a mafia em Italia e sul de Espanha, bem como a violencia na Grecia ou emmuitospaises america latina.
    Quando ouço irresponsaveis como Soares dizer que opovo se deve revoltar acho uma irrsponsabilidade, felizmente não seguida. Têm preferido levar os cestos com pedras e irem-se divertir para Atenas-os bilhetes até não são caros e o divertimento é garantido todos os dias.

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...