18 março 2014

O levantamento de Putin

Grandes manobras nesta Guerra Fria 2.0.

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, antecipa as iminentes sanções dos Estados Unidos: Bloomberg revela que, ao longo da semana, a Federal Reserve tem sofrido um levantamento sem precedentes em toda a sua história: exactamente 104 biliões de Dólares.
Uma quantia simpática, sem dúvida.

O recorde anterior era de 32 biliões, no ano passado.

A Federal Reserva é o lugar onde todos os bancos centrais ocidentais preservam os Títulos de Estado emitidos pelo Ministério das Finanças dos Estados Unidos. É, em essência, a dívida externa de Washington que permanece sob custódia dos Estados Unidos.

Alguém agora decidiu quebrar a regra. Quem é o suspeito? Todos os especialistas concordam: a Rússia. E para onde foi esse dinheiro todo? Em alguns off-shore ou no Banco Central da Rússia? Ou, quem sabe, na China?

Em qualquer caso, se verdadeiramente for a Rússia (como parece), isso quer dizer que Vladimir Putin continua inabalável e toma medidas económicas neste choque entre potências que mais parece um deja-vu.

Mais: ao que parece, muitos oligarcas donos de bancos estão a percorrer a mesma estrada, mudando as contas bancárias, levantando dinheiro e Títulos e depositando-los longe dos bancos europeus e americanos.

Pode isso tornar-se um problema sério para o Ocidente? Sim, pode. Porque falamos duma "migração" de capitais que pode chegar a números avassaladores: algo como 1.5 triliões (1.500.000.000.000).

Uma parte deste dinheiro não voltará para a Rússia, mas como afirmado desaparecerá em alguns paraísos fiscais. Uma parte importante, todavia, voltará para Moscovo, sobretudo os assets legais que podem tornar-se alvo das sanções.


Ipse dixit.

Fonte: Bloomberg

3 comentários:

  1. Anónimo18.3.14

    Não entendi muito bem. Desculpe a ignorância econômica. O dinheiro esta saindo? E não sabem pra onde?

    ResponderEliminar
  2. Mas qual ignorância? Não podemos saber tudo, não é? Se assim fosse, este blog seria inútil.

    Por exemplo: não se sabe para onde está a ir o dinheiro. O dinheiro é levantado pelos Russos, depois não é sabido onde fica depositado.

    Isso, pelo menos, é quanto deixa entender Bloomberg. Doutro lado, faz sentido que fique em offshore, longe de qualquer tipo de controle e pronto para ser investido em algo mais rentável.

    Abraço!!!

    ResponderEliminar
  3. Em minha opinião (não entendo nem da economia de casa) é um sinal de que a economia mundial vai mudar radicalmente, eu imagino um tipo de moeda internacional tipo dolar mundial, assim como tem dolar australiano, canadense

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...