17 julho 2014

Insólito: a nova cratera de Yamal

A península de Yamal é um lugarzito simpático no extremo Norte da Sibéria, onde as pessoas
compram um gelado quando têm vontade de aquecer.

Aí, nos últimos dias, foi descoberto algo muito esquisito: uma cratera.
Esquisito porque antes não havia cratera nenhuma e nada disso está relacionado com um vulcão.

O que espanta é também o tamanho: as imagens aéreas obtidas até agora mostram uma cratera com uma largura de 80 metros. Tanto para ter uma ideia, é a largura dum campo de futebol, do mesmo tipo usado pela Alemanha para marcar 7 golos ao Brasil (eheheh...ainda não tinha dito nada!).

Trata-se duma largura não indiferente que, como será possível ver, implica alguns problemas.


Teorias

Factos? Bem poucos.

E o mais importante é o seguinte: o área do Yamal é o principal produtor de gás da Rússia, pode haver menos extravagante e mais natural. Inclusive, a cratera fica a 30 quilómetros do campo de extracção de Bovanenkovo, o maior de todos.

Uma equipa de cientistas foi colocada logo ao trabalho para tentar estabelecer a causa do que parece ter sido uma verdadeira explosão.

Problema (há sempre problemas): para formar um buraco daquele tamanho teria sido necessária uma explosão de força não indiferente, algo que deveria ter sido detectado pelos sismógrafos do País (pelo menos). Se as medidas forem confirmadas, a explosão teria tido o equivalente de 60 toneladas de TNT e, no mínimo, uma magnitude de 3.2.

Os especialistas afirmam que a parte exterior da cratera ainda estava a queimar na altura da descoberta, o que pode suportar a ideia duma bolha de gás qual causa do evento: parece, de facto, que a cratera formou-se ao longo do ano passado ou até em 2012, pelo que só a presença de material combustível poderia explicar as chamas agora.

A hipótese acerca da qual a equipa está a trabalhar é mesmo esta: uma mistura de gás, sal e água, com o gás explodido sob a superfície, causando essa enorme cratera.

Eis o Aquecimento...

E aqui entram em cena os apoiantes do Aquecimento Global.
Relata o Siberian Times:
Anna Kurchatova, do Centro Sub-Árctico de Pesquisa Científica, acha que a cratera foi formada por uma mistura de água, sal e gás que terá causado uma explosão subterrânea, o resultado do aquecimento global.
Ela pensa que o gás acumulado no gelo e misturado com areia abaixo da superfície, e que tudo isso foi misturado com sal, pois cerca de 10.000 anos atrás esta área era um mar.
Interessante, sobretudo quando alguém conseguir provocar uma explosão com gás, areia e sal a temperatura ambiente (o ambiente do Sub-Árctico, claro), onde as temperaturas raramente atingem os 10ºC (só no Sul da Península).

A teoria do Aquecimento Global cai miseravelmente quando observarmos a Península de Yamal: há dezenas de pequenos lagos circulares nas cujas origens houve, evidentemente, explosões como aquela que parece ter provocado a nova cratera.

Entretanto, a equipa de pesquisadores esclareceu que este não é uma cratera provocada por um impacto dum meteorito.

Gog e Magog: medo no blog!

Outras teorias?
Claro que há.

Por exemplo: Ufo. Quando há algo esquisito aparece sempre alguém que chama em causa um Ufo (e o Aquecimento Global).

Neste caso, o Ufo teria precipitado; ou recolheu gás (também os extraterrestres comem); ou jogou golfe.

Não encontrei nada acerca de Nibiru, mas estou certo que algo irá surgir nos próximos tempos.

Por último, eis no Siberian Times o comentário mais científico do Leitor Isaías, do México:
Finalmente o buraco onde Gog e Magog saem, eles são seres humanos estando vivos no interior da Terra, desde o tempo do segundo Rei após o Rei Salomão, ele era o único Rei que controlava o Leste e o Oeste, durante o seu tempo foi chamado de Rei com dois chifres, ele tinha uma exércitos com mais de 100.000.000 soldados no seu controle. Gog e Magog saem para atacar a terra, eles comem tudo, vão beber o rio num dia: o que são 7 biliões da Terra contra as outras 14 biliões no interior da Terra? O sinal do fim deste mundo azarado.
Não sei vocês, mas eu fiquei convencido.


Ipse dixit.

Fontes: The Siberian Times, Discovery News, Daily Mail

6 comentários:

  1. Anónimo17.7.14

    Olhando para a cratera, vê-se ao seu redor material que parece ter sido expelido. O que é estranho, é que este material se acumula na vizinhança da mesma, e não numa área maior, colocando de parte uma explosão violenta, pois neste caso o material seria projectado a grande distância. Por outro lado as parede da mesma, pela regularidade, apresentam aspecto de explosão. Vendo a imagem, aposto numa explosão pouco violenta originada por uma eventual bolha de gás.

    Krowler

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo18.7.14

      obrigado. para quem nada entende do assunto a regularidade era o que mais me deixava na dúvida sobre a origem da cratera.
      abraço

      Eliminar
  2. Eu não sei não,mas a conclusão do Isaias a mim tambem me convenceu.
    Até porque prefiro esta linha de loucura ,é muito mais suave
    abraços
    que a paz possa habitar dentro de todos nós

    ResponderEliminar
  3. Anónimo20.7.14

    Max.
    Sabes que a caixa de comentários não aceita o Thor browser?

    ResponderEliminar
  4. Anónimo21.7.14

    Se fosse o gás, a explosão seria um veio. Meteoro, pô, dá uma olhada nas crateras de meteoro na net...!
    Agora, qdo se faz um teste militar de uma super bomba subterrânea ... veja as fotos tb na net disto, compare, chegou alguma conclusão.
    Os US estão ameaçando a Rússia por todos os lados, este ano logo após o começo da guerra da Ucrânia...
    "olha aqui que eu tenho se vcs continuarem a se meter comigo. BUUMMMMMMMM!!!!!"

    ResponderEliminar
  5. Daniela26.7.14

    Olá Max, boa noite, leio seus artigos, gosto muito mesmo, e me divirto como agora , ao ler - Gog Magog, medo no blog, kkkkkkkkkkk, e os UFOS que sempre aparecem em casos assim, e tem gás p que comem, ahahahahah .....e por fim --Naõ sei vocês, mas eu fiquei convencido----kkkkkk, estou me divertindo muito, você sempre de bom humor.....Sabe que a várias teorias para vida intra terrestre, a Eubiose uma escola de iniciação diz mesmo que há vida no centro da Terra, a cidade de Agharta, e existem várias embocaduras por onde entram em contato com a superfície, então tudo é possível neste mundo. Aliás Júlio Verne, tbém deixou nos a Viagem ao centro da Terra..... Obrigado por esclarecer este assunto tão interessante, assim esquecemos das atrocidades que andam acontecendo. Abraços

    ResponderEliminar

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...