17 novembro 2014

Insólito: os círculos de pedra da Jordânia

Linhas de Nazca? Círculos nos campos (os crop-circles)?
Misturem as duas coisas e teremos os círculos de pedra da Jordânia.

São grandes, muito grandes, e foram observados pela primeiras vez no começo do século passado, por volta de 1920, quando os primeiros aviões começaram a passar por aí, pois do solo a estrutura não é visível.

Durante uma recente expedição liderada pelo pesquisador David Kennedy, da Universidade da Austrália Ocidental, foram tomadas imagens de alta resolução de 11 círculos, com cerca de 400 metros de diâmetro.

Os grandes círculos foram desenhados com a construção de pequenas paredes de pedra, com 60 cm de altura em média. Os círculos não têm abertura, por isso, para entrar, é necessário saltar a parede.

O objectivo destas estruturas é desconhecido, e os arqueólogos não têm uma respostas definitiva sobre a idade da sua construção. A análise das fotografias, bem como os achados no chão, sugere que possam remontar a, pelo menos, 2000 anos atrás, mas esta é apenas uma estimativa: de facto, poderiam ser muito mais velhas também.

Escreve Kennedy num artigo publicado na revista Zeitschrift für Orient Archäologie:
A contribuição mais importante é simplesmente colectar e sensibilizar acerca dum grande grupo de locais notáveis.
Embora existam muitos círculos de pedra menor no Oriente Médio, o que faz com que esses 11 círculos particularmente interessante é a sua dimensão e antiguidade, diz Kennedy que é co-director do Aerial Photographic Archive for Archaeology in the Middle East (Arquivo de Fotografia Aérea para a Arqueologia do Oriente Médio, APAAME).

A construção

Os círculos não são difíceis de construir: foram realizados usando pedras, principalmente locais, e uma dúzia de pessoas pode completar o trabalho numa semana.

No entanto, a incrível precisão dos círculos ainda exigiria um pouco de planeamento. Kennedy:
A obra exigiria, no mínimo, a presença de um arquitecto. Ele teria ligado uma longa corda a um poste e gravado o círculo no chão. Isso também explica o defeito nos círculos lá onde o terreno é irregular
A finalidade dos círculos permanece um mistério.

Parece improvável terem sido utilizados como umas simples cercas dado que as paredes chegam apenas a uma altura de 60 cm.: não são estruturas úteis para manter um rebanho.
 
Além disso, qual a necessidade de criar recintos de animais tão precisos?

Um dos círculos tem três montes ou pilhas de pedras, o que sugere que pode ter sido usados para o enterro, algo tipo um cemitério.

No entanto, Kennedy acredita que os montículos foram construídos mais tarde, quando o muro já tinha perdido o seu significado original.

Por enquanto, os grandes círculos de pedra da Jordânia permanecem sem respostas.


Ipse dixit.

Nota: todas as imagens do artigo são de propriedade do APAAME, Aerial Photographic Archive for Archaeology in the Middle East

Fontes: Lives Science, APAAME, Il Navigatore Curioso

Sem comentários:

Enviar um comentário

Printfriendly

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...